Joana Freitas faz desabafo: «A minha vida sempre foi vender mentiras»

Joana Freitas deixou um desabafo sobre a imagem que as pessoas criam nas redes sociais, vendendo «mentiras, trapos e uma imagem bonita».

10 Mar 2020 | 17:30
-A +A

Joana Freitas usou as redes sociais para fazer um desabafo. A modelo, que sempre partilhou com os seguidores momentos da sua vida pessoal e profissional, sentiu necessidade de escrever um texto em que explica o que sente a respeito das plataformas digitais.

Na legenda do vídeo que partilhou com o filho Francisco, de três anos, Joana fez referência à imagem, por vezes falsa, que as pessoas tentam transparecer nas redes sociais, vendendo «mentiras, trapos e uma imagem bonita».

«Há uns meses atrás andava sem paciência para o Instagram, cheguei a comentar com amigas e com a minha agência que já não me revia nesta plataforma.

Sentia-me ridícula quando percebia que perdia seguidores por não postar mais fotos de looks de roupa ou por não alimentar futilidades. Não tinha paciência porque a minha vida sempre foi vender mentiras, vender trapos e uma imagem bonita!», começou por referir.

Joana diz ter percebido que «o conteúdo material (roupas, sapatos, fotos falsas, muitos filtros e poses pouco naturais) era o que mais vendia» e isso a levou a afastar-se das redes sociais. «Devagarinho afastei-me do Instagram e fui deixando de pôr conteúdos. Percebi que não sou assim, e não quero alimentar uma indústria de mentiras numa plataforma que é minha!», confessa.

A modelo falou ainda da imagem que acaba por ser criada «na cabeça dos adolescentes», gerando frustrações. «Alimentar isso na cabeça de adolescentes que andam aos papéis na sociedade porque não se sentem suficientemente boas, porque acham que ter a mala e aqueles sapatos é o que as vai fazer ficar mais bonitas e com valor… a meu ver é gerar frustrações! Nunca vi as pessoas terem tanto e viverem tão sozinhas e tão infelizes!», acrescenta.

Para Joana, o facto de tentar mostrar a perfeição que não existe é apenas uma imagem que as pessoas usam para «camuflar frustrações». «Toda a gente tem dias de frustração, de desânimo, cansaço, de gritos com os filhos, de casas desarrumadas e de problemas e preocupações pessoais que não desaparecem só porque pomos uma foto bonita no Instagram para enganar os nossos seguidores e tentarmos camuflar as nossas próprias frustrações», refere.

Por fim, Joana deixou uma mensagem de esperança para que o Instagram «se torne uma coisa mais real life, com menos barreiras, mais verdades, menos filtros e principalmente futilidades que disso o mundo está cheio».

Texto: Marisa Simões; Fotos: Reprodução Instagram

 

Leia ainda:
Joana Freitas mostra o NOVO NAMORADO!
Joana Freitas mostra curvas

PUB
Top