Jorge Palhares critica Ângelo Rodrigues: «Se tivesse admitido, teria muito mais valor»

O ex-Love on Top, que admitiu a dependência de esteróides, afirma que Ângelo Rodrigues deveria, na entrevista a Cristina Ferreira, ter falado sobre os motivos que o deixaram entre a vida e a morte.

21 Dez 2019 | 19:50
-A +A

Jorge Palhares assumiu em setembro ter sido consumidor de esteróides anabolizantes. A revelação aconteceu na sequência do internamento de Ângelo Rodrigues, cuja causa terá sido precisamente uma infeção provocada por injeções de testosterona. Ao contrário do ator da SIC, que nunca revelou os motivos que o atiraram para os Cuidados Intensivos, o ex-concorrente de Love on Top falou abertamente sobre a dependência e os problemas de saúde que daí advieram.

Jorge Palhares prefere «não bater no ceguinho» mas não evita comentar o facto de, na entrevista a Cristina Ferreira, o tema ‘testosterona’ não ter sido abordado. «Eu esperava que ele falasse pelo menos o mínimo sobre o assunto. Se não quisesse admitir o uso ou não quisesse entrar em detalhes, eu respeitava. Mas pelo menos aconselhar a não fazerem o uso, principalmente porque ele deve ter imensos seguidores mais jovens que querem ser como ele», começa por dizer à TV 7 Dias. 

Jorge Palhares iniciou o consumo de esteróides com apenas 19 anos. Atualmente com 30, sofre ainda repercussões deste vício. «Ele devia ter falado sobre isso. Só que, mais uma vez, acaba por provar-se o que eu digo: quem tem esse tipo de exposição mediática, cada vez mais, esconde o que faz. E a televisão acaba por ajudar», afirma. O empresário critica ainda Cristina Ferreira por não ter feito a pergunta que se impunha. «Ela não tocou uma única vez no assunto. Talvez tenham combinado não falar sobre isso», admite. 

Ângelo Rodrigues foi acompanhado por uma equipa da SIC e, em breve, irá mostrar a sua recuperação num documentário. A gestão de informação feita pelo ator de 32 anos poderá estar relacionada com este programa mas, para Jorge Palhares, Ângelo já deveria ter falado publicamente sobre o alegado consumo de esteróides. «Se ele tivesse admitido, teria muito mais valor. Teria ficado muito mais sensível ao que ele estava a dizer se ele explicasse o motivo que o levou a tomar. Podia dizer que se sentia demasiado magro e dar mil e um motivos… eu levava muito mais em conta do que simplesmente ignorar o assunto», analisa. 

 

Criticado por amigos e família

Além de ter falado em exclusivo com o site da Maria, Jorge Palhares também foi protagonista de uma reportagem do programa da RTP1 Sexta às 9. O empresário diz que recebeu «muitas mensagens, tanto de homens como de mulheres». «Fiquei surpreendido com a quantidade de mulheres que vieram falar comigo. Perguntaram-me quais eram os efeitos secundários, homens que estavam a ter alguns efeitos secundários e que tinham vergonha de ir ao hospital falar sobre o assunto». Apesar de ter sido louvado por falar publicamente sobre o tema, Jorge também recebeu críticas. Muitas vindas da própria família.

«Quando dei a entrevista, houve uma altura em que me arrependi. Parte da minha família criticou-me, bem como amigos meus». Jorge conta que a maior parte dos seus familiares desconhecia a sua dependência. «Disseram que eu não me devia ter exposto. Depois, na reportagem do Sexta às 9, uma parte criticou-me e outra disse-me que eu era um exemplo», explica. «No fundo, é uma droga como outra qualquer», contemporiza. 

 

Texto: Raquel Costa | Fotos: João Manuel Ribeiro e redes sociais

 

Veja mais:
Chegou, viu e venceu! Regresso de Ângelo Rodrigues dá à SIC liderança absoluta
Ex-Love On Top na RTP para falar sobre vício: «Estive sem produção de espermatozóides»

PUB
Top