Jornalista da CMTV morre aos 27 anos em acidente de moto a caminho de reportagem

A jornalista da CMTV Marta Louro morreu nesta quarta-feira quando se deslocava de moto, no Eixo Norte-Sul, para fazer uma reportagem. Tinha 27 anos.

27 Abr 2022 | 18:00
Marta Louro
-A +A

Marta Louro, jornalista da CMTV, morreu na tarde desta quarta-feira. A repórter deslocava-se para uma reportagem quando foi vítima de um acidente no Eixo Norte-Sul. Tinha 27 anos.

De acordo com o Correio da Manhã, a moto em que a a jornalista da CMTV seguia como passageira colidiu com uma viatura entre as saídas das Laranjeiras e Sete Rios. O óbito foi declarado no local. O condutor foi levado para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, com ferimentos graves.

No Linkedin, Marta Louro dizia ser “uma menina que tinha o sonho de ir à Lua, uma adolescente que queria ser militar, uma jornalista”.

De acordo com fonte do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, citada pelo Diário de Notícias, o alerta para o acidente deu-se cerca das 14h00, no sentido Norte-Sul. As vias foram cortadas em ambos os sentidos.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução redes sociais

 

PUB