Jornalista da RTP VÍTIMA DE BULLYING! «Não passa de uma simples assalariada »

A correspondente da RTP em Madrid, Daniela Santiago, decidiu denunciar publicamente o assédio online de que está a ser vítima.

08 Dez 2018 | 17:01
-A +A

Daniela Santiago é a correspondente da RTP em Madrid e, esta sexta-feira, 7 de dezembro revelou ter sido vítima de bullying e perseguição através do Facebook.

Num longo texto partilhado na rede social, a jornalista começou por explicar que estava cansada de receber mensagens privadas de um seguidor, tendo-lhe mesmo pedido para parar. O pedido não foi aceite e o seguidor chegou mesmo a responder com uma mensagem que deixou Daniela ainda mais indignada.

«Respondeu-me com uma longa mensagem (alguém que não faz a mínima ideia de quem sou, o que fiz, que se baseia apenas pela imagem que vê na TV) a agredir-me, ofender-me, de forma gratuita», começou por contar.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10215609595704346&set=a.2059040847016&type=3&theater

Daniela chega mesmo a mostrar parte da mensagem que esta pessoa lhe terá enviado, tendo decidido omitir a restante por considerar ser mais «ofensiva».

«Não passa de uma simples assalariada, que ganha pouco mais do que o suficiente para ter uma ‘vidinha’ razoável e candidata a famosa (mas não passa disso)», pode ler-se no print da mensagem divulgada por Daniela.

 

Veja mais: João Baptista reage a acusações de bullying a Carlos Costa

 

Daniela sentiu necessidade de expor a situação nas redes sociais afirmando que «se esta criatura faz uma coisa destas, decerto não é a primeira vez e é condenável».

«Repito, não sou disto, mas se esta criatura faz uma coisa destas, decerto não é a primeira vez e é condenável. Só lhe pedi que parasse, que não tinha interesse/ nem tempo para receber mensagens. Esta é só uma parte. A anterior é ofensiva, referindo-se ao meu físico. Maldita aparência, superficialidade e arrogância, que gere estas mentes», terminou.

 

Texto: Redação WIN – Conteúdos Digitais; Fotos: Arquivo Impala

PUB
Top