Jornalista MALTRATADO por segurança de Cristiano Ronaldo

António Montero foi até à Grécia para cobrir as férias do craque português.

26 Jul 2018 | 18:09
-A +A

É mais uma polémica na vida de Cristiano Ronaldo.

O jornalista espanhol Antonio Montero foi até à Grécia para tentar fotografar o momento em que o craque nacional se encontrou com o Presidente da Juventus, Andrea Agnelli, mas nem tudo correu como previsto.

A equipa de seguranças de CR7, ao aperceber-se da presença deste profissional perto da unidade hoteleira onde foi assinado o acordo milionário, «prendeu-o» numa divisão do edíficio, chegando o jornalista a temer pela própria vida.

Leia: Georgina Rodríguez ameaçada e relação com Cristiano Ronaldo em risco

«Os seguranças do hotel dirigiram-se a mim com ameaças», começou por contar Montero no programa Socialité da TeleCinco, isto após ter tentado tirar uma imagem ao companheiro de Georgina Rodriguez.

«Os seguranças dirigiram-se a mim com ameaças e que só conseguiria tirar uma fotografia ao jogador por cima dos seus cadáveres», revelou o repórter que foi impedido de sair das instalações do hotel durante várias horas sob sequestro e maus-tratos.

Veja:Ronaldo CONDENADO em Espanha! Português tem de pagar 19 milhões ao FISCO

Fotos: Reprodução Instagram

PUB
Top