José Carlos Pereira teve arma apontada à cabeça: «Senti-me em risco de vida»

José Carlos Pereira foi à Cova da Moura e acabou por ser assaltado à mão armada. Os larápios roubaram-lhe o carro, telemóvel, carteira e chaves de casa… e ainda o espancaram.

10 Set 2019 | 8:00
-A +A

O ator José Carlos Pereira passou por uma situação dramática na madrugada de quarta-feira, dia 4 de setembro. O Vitinho da série líder de audiências Golpe de Sorte foi vítima de carjacking, um crime perpetrado com contornos de grande violência.

O caso aconteceu na noite de terça para quarta-feira, quando o ator se dirigiu ao bairro da Cova da Moura, no Município da Amadora, na companhia de um outro rapaz. À chegada àquela zona residencial de construção clandestina, conhecida pelos problemas sociais, ligações ao tráfico de droga e de armas e bastante associada à criminalidade violenta da Grande Lisboa, os dois foram surpreendidos por três outros rapazes.

«Mal lá chegaram apontaram-lhe uma arma à cabeça para o obrigar a sair do carro, para lhe roubarem o carro», conta fonte policial, que acrescenta que José Carlos Pereira resistiu ao assalto e acabou por ser espancado.

À TV 7 Dias, o ator contou tudo o que aconteceu e afirmou: «Senti-me em risco de vida».

 

Toda a história e reportagem na edição em banca da TV 7 Dias!

 

Texto: Carla Ventura com Patrícia Correia Branco | Fotos: Arquivo Impala

PUB
Top