Castelo Branco alega que conta de Instagram foi «pirateada»: «Já fiz denúncia à polícia!»

Poucas horas depois de, no seu perfil de Instagram, terem sido prometidas «todas as verdades», atacando Cristina Ferreira, José Castelo Branco vem pedir desculpa e alega que foi vítima de pirataria.

02 Jan 2020 | 20:19
-A +A

É o fim de mais uma polémica a envolver o nome de José Castelo Branco. O socialite garante que a sua conta de Instagram «foi pirateada» e justifica, desta forma, as mensagens que nela se puderam ler no decorrer desta quinta-feira e que foram, entretanto, apagadas.

No perfil do marchand d’art, era prometido, em seu nome, o lançamento de «um vídeo com todas as verdades» relativas ao universo da televisão e do espetáculo, atacando nomes como Cristina Ferreira e Rita Pereira«Cansei de estar Calado! Alguém tem que dizer as verdades! […] Vedetas que não passam de Empregadas de microfone!»

«Chega da Ditadura das Empregadas de Microfone! […] Tem medo de mim, é isso? Amanhã conto tudo!», podia ler-se, por sua vez, como legenda de uma montagem fotográfica em que o marido da antiga joalheira Betty Grafstein surgia com a estrela das manhãs da SIC.

A situação foi, entretanto, esclarecida. «Que horror, que horror, que horror! Vocês acreditam que a minha conta foi pirateada? É verdade! Estive agora a ver coisas que andaram a escrever. Coisas contra a Cristina, coisas contra não sei quem… Mas que disparate é este? A Cristina é minha amiga, sempre foi minha amiga e vai continuar a ser minha amiga…», assegura, em jeito de lamento, José Castelo Branco.

No mesmo vídeo, garante que a sua conta daquela rede social já está completamente recuperada e que o socialite está «pronto para outra». Mas não sem antes pedir justiça pelo crime de que diz ter sido vítima. «Já fiz denúncia à polícia! Você vai sofrer as consequências!», escreve naquela publicação, dirigindo-se concretamente à pessoa que supostamente pirateou o seu perfil de Instagram.

José Castelo Branco termina o vídeo a pedir «as maiores desculpas» e a enviar uma mensagem a Cristina Ferreira: «Cristina, my darling, não sejas bicha, mulher! Começa 2020 em bom!»

 

 

Poucos minutos depois, Castelo Branco voltou a falar daquilo que considera ser «disparates» escritos em seu nome. «Esta gente é louca, é completamente louca. Eu nunca vi uma coisa assim. A fazerem intrigas como se fosse eu a escrever… Quem me conhece sabe perfeitamente o que escrevo. Que coisa, que loucura!»

 

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: Impala

PUB
Top