Júlia Pinheiro admite que empatou a vida do filho em televisão. Saiba porquê!

Júlia Pinheiro é sincera e não esconde que já impediu o filho, Rui Maria Pêgo, de trabalhar em televisão e explicou o porquê.

10 Jan 2021 | 12:30
-A +A

Júlia Pinheiro fala de medo quando o assunto são as várias ocasiões em que tentou impedir o filho de trabalhar em televisão. “No tempo em que estive na TVI, se, em alguma reunião, dissessem que iam contratar o Rui Maria Pêgo, eu dizia logo que enquanto eu ali estivesse não permitia, porque não queria que dissessem que a escolha podia ser outra pessoa e que eu podia ter influenciado. A mesma coisa aqui na SIC. Por isso, empatei-lhe a vida. E o pai na rádio”, admitiu a apresentadora de “Júlia”.

Júlia não poupa nos elogios ao filho, que diz ser do “melhor que esta geração deu” em comunicação social. “Ambos temos consciência que ele é um ‘profissionalão’ e que é do melhor que esta geração deu”, disse. “Hoje, que já não decido nada, as televisões que escolham. E, quando me perguntam, eu digo só que ele é muito bom rapaz. Nada mais. Mas ele está bem e ele é muito engraçado”, referiu ainda, em entrevista à TV Guia.

Vale lembrar que Rui Maria Pêgo, de 31 anos, é o filho mais velho de Júlia Pinheiro e do locutor Rui Pêgo. Em televisão, foi jurado em ‘A Tua Cara Não Me É Estranha’, da TVI. Conduz, de segunda a sexta-feira, às 20h00, o programa “Era o Que Faltava”, na Rádio Comercial, ao lado de Ana Martins.

Júlia Pinheiro e Rui Pêgo são ainda pais das gémeas Matilde e Carolina, de 27 anos.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução Instagram

 

Leia ainda:
Júlia Pinheiro com receio da concorrência de Goucha nas tardes: “Estou apreensiva”

 

PUB
Top