Luís Borges: «Os meus filhos não têm o pai presente, têm o papá. É a mesma coisa»

«Não sou nenhuma criança. Quando adotei estas crianças, sabia o que queria. Não é por ter 31 anos que sou um louco», diz o modelo nas suas primeiras palavras após à morte de Eduardo Beauté.

13 Out 2019 | 19:00
-A +A

Mais de um mês depois da morte de Eduardo Beauté, o modelo Luís Borges quebrou o silêncio sobre o assunto, este domingo, 13 de outubro, durante a sua passagem pelo terceiro dia da ModaLisboa.

Questionado pelos jornalistas sobre como está a lidar com a nova fase da sua vida, o modelo foi direto na resposta: «A minha vida está normal. Há uma coisa que as pessoas não percebem: toda a gente que tem filhos sai e diverte-se. A vida continua igual, só que agora os meus filhos estão a tempo inteiro comigo.»

Para o ex-marido de Eduardo Beauté, «essa é a única diferença» que encontra. Tem sido fácil? «Para mim, é normal», respondeu. «Sempre gostei de ser pai e sempre gostei de estar com eles», acrescentou.

Luís Borges recusou responder a questões legais sobre a responsabilidade parental das crianças. Alegou também que nunca expôs «nada em demasia» sobre a sua vida pessoal, isto apesar de o seu casamento com Beauté ter contado com a presença da maioria dos órgãos de comunicação social. «Nunca falei sobre o meu divórcio, a separação… Quando eu acho que é altura de falar, eu falo», defendeu ainda.

O modelo fez ainda questão de salientar que se sente tranquilo por ter à sua guarda os três menores. «Eu tenho 31 anos, não sou nenhuma criança. Quando adotei estas crianças, sabia o que queria. Não é por ter 31 anos que sou um louco. Não. Eu tenho os pés assentes na terra. Os meus filhos são tudo na minha vida. Sempre foram. No casamento, no divórcio… Portanto, vão continuar a ser. Simplesmente não têm o pai presente, têm o papá. É a mesma coisa», rematou.

Eduardo Beauté e Luís Borges separaram-se em 2016, após oito anos de relação, cinco dos quais casados.

O cabeleireiro foi encontrado sem vida, em sua casa, no dia 7 de setembro, e os resultados preliminares da autópsia indicam que morreu de causas naturais, vítima de uma embolia cerebral. Faltam, contudo, ser revelados os resultados das análises toxicológicas. Deixou três filhos – Bernardo (oito anos), do qual era apenas tutor legal, Lurdes (sete) e Eduardo (quatro), adotados por si -, atualmente ao cuidado de Luís Borges.

 

VEJA TAMBÉM:
Luís Borges assinala um mês sobre a morte de Eduardo Beauté!
Ana Sofia defende Luís Borges: «Ele tem todas as condições para ficar com as crianças»
Família de Eduardo Beauté em desacordo com Luís Borges por causa de funeral!

 

Texto: Dúlio Silva com André da Silva Carvalho e Mariana de Almeida | Fotografias: Impala e redes sociais

PUB
Top