«O sofrimento terminou»! Luísa Castel-Branco chora a morte da mãe

A mãe da escritora Luísa Castel-Branco morreu depois de anos de luta contra uma doença degenerativa. «Descansa agora em paz», disse a comentadora do programa Passadeira Vermelha.

20 Jul 2020 | 14:35
-A +A

Luísa Castel-Branco está de luto pela morte da mãe. A notícia foi dada pela escritora nas redes sociais, este domingo, com um texto em que homenageia a progenitora, que nos últimos anos lutou contra uma doença degenerativa. «Adeus, Mãe. O sofrimento terminou. Sei que gostaste de ver todos os filhos e netos juntos a despedirem-se de ti. Como gostaste destas palavras que as netas escreveram sobre a avó no meio de lágrimas e gargalhadas», escreveu, como legenda de uma imagem do texto a que se refere.

«Descansa agora em paz. O fim é o princípio e o princípio é o fim», acrescentou a comentadora do programa Passadeira Vermelha, da SIC e SIC Caras, do qual está ausente desde o início da pandemia da COVID-19.

 

 

«A minha mãe já partiu e ainda cá está»

 

Em maio, por ocasião do Dia da Mãe, Luísa Castel-Branco já tinha dado conta do sofrimento que estava a ser ver a mãe numa situação frágil e irreparável. «Não vejo a minha mãe há mais de dois meses. Mas ela não me reconhece há muito mais tempo», dizia, numa altura em que estavam proibidas as visitas a lares, para evitar possíveis contágios do novo cororavírus.

«Não vou falar da dor que se sente ao ver alguém preso num corpinho tão frágil, com os olhos sempre espantados ou, pior ainda, quando tenta falar e as palavras não saem. Não vou falar de saudade, porque ela me acompanha dia e noite. Vou pedir novamente a Deus, ao universo, que envie um anjo, uma brisa do mar, um pedaço de vento e a liberte deste sofrimento», pedia.

No final, Luísa Castel-Branco fazia uma reflexão: «Hoje é Dia da Mãe. A minha já partiu e ainda cá está.»

 

VEJA TAMBÉM:
«Muitas complicações»! A menopausa «horrível» de Luísa Castel-Branco
Luísa Castel-Branco «doente e incapacitada para fazer seja o que for»

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top