Mãe de Angélico Vieira absolvida pelo tribunal

A mãe do cantor tinha sido condenada a pagar uma indemnização de 1.5 milhões de euros a Armanda Leite.

31 Jan 2018 | 11:59
-A +A

O Tribunal da Relação do Porto absolveu, Filomena Vieira, mãe de Angélico Vieira, de pagar uma indemnização de 1,5 milhões de euros a Armanda Leite, uma das sobreviventes do trágico acidente que tirou a vida ao cantor.

LEIA MAIS: Sofia Arruda emociona-se ao recordar Angélico Vieira

 

Em vez disso, o Tribunal condenou o stand Impocar e o Fundo de Garantia Automóvel a indemnizar a antiga modelo em 1,2 milhões de euros uma vez que a investigação provou que o acidente foi provocado pelo rebentamento de um pneu e não pelo excesso de velocidade a que Angélico conduzida, de acordo com o processo-crime.

À data do acidente, Armanda tinha apenas 17 anos tendo ficado com mazelas irreversíveis a nível da mobilidade e da fala, ficando dependente de terceiros.

ESPREITE TAMBÉM: Cifrão fala sobre o regresso dos D’ZRT

O acidente que vitimou Angélico Vieira aconteceu a 25 de junho de 2011, sendo o cantor acabou por entrar em morte cerebral e as máquinas foram desligadas na noite de 28 de junho.

 

 

 

PUB
Top