“Mantive a minha posição”: Pedro Crispim abre o jogo sobre saída da TVI e convite da SIC

Pedro Crispim revelou que o convite para se mudar para a SIC “surgiu muito tempo depois” de ter anunciado a sua saída do painel de comentadores do reality show da TVI “Big Brother”.

24 Ago 2021 | 21:02
-A +A

Pedro Crispim está de regresso à SIC, onde se estreou, em 2005, com o programa “Esquadrão G”. Dezasseis anos depois do início do seu trajeto televisivo, o stylist regressa à estação para, com a maquilhadora Inês Mocho, conduzir um formato que promove mudanças de visual. Para trás, fica a TVI e, consequentemente, o reality show “Big Brother”, do qual foi comentador nas últimas três edições.

No InstaStories, ferramenta do Instagram, Pedro Crispim abriu uma caixa de perguntas para responder a várias questões de seguidores. A mudança do canal de Queluz de Baixo para o de Paço de Arcos acabou por ser o assunto central desta iniciativa.

“Escondeu muito bem a sua ida para a SIC. Pessoalmente, gosto”, comentou um fã do stylist. Este lembrou que a sua saída do painel de comentadores já estava definida e anunciada. “Na verdade, decidi e disse publicamente que não pretendia fazer mais reality [shows], ainda estávamos com o ‘BB – Duplo Impacto’ a decorrer. Só mantive a minha posição e palavra durante todo o tempo, em todas as entrevistas ou abordagens sobre o tema”, referiu, acrescentando: “Se a minha existência em televisão dependesse de ser comentador de um reality, tinha consciência da decisão que tinha tomado e estava em paz com ela. O convite da SIC surgiu muito tempo depois.”

Para outro seguidor, Pedro Crispim foi “o melhor comentador de sempre” do “Big Brother” e vai deixar, portanto, “saudades”, agora que a TVI prepara o regresso do reality show à antena. “Agradeço, mas cada um ao seu estilo todos foram e serão uma mais-valia. O bom da mudança será as mil possibilidades que surgem com elas. Vai ver que vai surgir um comentador com o qual se vai identificar e do qual vai gostar imenso!”, acredita.

Durante a sua passagem pelos “Extras” do “Big Brother”, o stylist ganhou uma alcunha. Na opinião de um terceiro fã, Pedro Crispim foi “o melhor rei da bobage do mundo”. Como resposta, surgiu uma reflexão. “Acima de tudo, foi isso que tentei fazer: divertir-me e divertir os outros. Sem levar a mim, aos outros e ao tema demasiado a sério. Com a consciência e responsabilidade de que faria companhia lá em casa. Em plena pandemia e confinamento, quando o mundo estava cinzento, todas as notícias eram preocupantes e não sabíamos o dia de amanhã”, disse. E completou: “Ao fim e ao cabo, não estava a comentar o Orçamento de Estado ou a tentar descobrir uma vacina para acabar com esta ou aquela doença. Estava a fazer entretenimento.”

O próximo desafio televisivo de Pedro Crispim, agora ao lado de Inês Mocho, terá transmissão na SIC Caras.

Veja as respostas de Pedro Crispim às várias perguntas de fãs na nossa galeria.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: reprodução redes sociais

PUB