Manuel Luís Goucha ESCLARECE POLÉMICO «AFASTAMENTO» de Bruno Caetano

A entrevista de Bruno Caetano a Mário Machado, gerou polémica no início do ano. Desde aí, muito se tem falado acerca do «afastamento» do repórter do Você na TV.

30 Jan 2019 | 10:52
-A +A

Depois de muito se falar sobre o suposto afastamento do repórter Bruno Caetano do programa das manhãs da TVI, chegou a hora de Manuel Luís Goucha colocar os pontos nos is.

«Dizem alguns sites manhosos e várias pessoas no facebook que Bruno Caetano foi afastado do Você na TV! Obrigado por me avisarem, não sabia! Ia jurar que o tenho visto todos os dias na equipa com que trabalho. Vou ter de marcar consulta urgente no oftalmologista, já que ando a ver mais do que devia! Tenham um grande dia!», escreveu, na manhã desta quarta-feira, 30 de janeiro, o parceiro televisivo de Maria Cerqueira Gomes no Instagram.

Veja também: TVI suspende Crónica Criminal após entrevista A MÁRIO MACHADO

Na passada segunda-feira, 28 de janeiro, Bruno Caetano também já se havia manifestado acerca do assunto. «Começo a ficar cansado de mentiras e invenções a meu respeito…», escreveu nas redes sociais, em forma de esclarecimento, uma vez que continua a ser presença assídua no Você na TV, ainda que atrás das câmaras.

Bruno Caetano ameaçado de morte

Os telespectadores do Você na TV não ficaram indiferentes à entrevista de Bruno Caetano a Mário Machado, no programa apresentado por Manuel Luís Goucha e Maria Cerqueira Gomes a 3 de janeiro.

Foi depois de marcar presença na rubrica Diga de Sua Justiça que o líder do movimento de extrema-direita foi duramente criticado. Manuel Luís Goucha e Bruno Caetano não ficaram atrás e os seguidores do programa não guardaram as palavras e disseram tudo o que pensavam.

O clima de tensão fez-se sentir logo após a entrevista e, para além de Goucha ser arrasado nas redes sociais, houve quem fosse mais longe e ameaçasse Bruno Caetano de morte.

«Quando convidei o cidadão Mário Machado ficou sempre evidente que se tratava pura e simplesmente de uma entrevista que falava das convicções deste acerca de Salazar. Mário Machado criou um movimento que se chama Nova Ordem Social e vão em breve realizar uma manifestação onde dizem que vão celebrar Salazar. Tema que me levantou muitas dúvidas», começa Bruno Caetano por escrever num comunicado partilhado no Facebook.

Veja também: Repórter de Você na TV investigado pelo Ministério Público. Saiba tudo!

«Não me interessa aqui responder a quem quer que seja mas sim demonstrar que não excluo ninguém. Vivemos num estado democrata e todos temos opinião. Se concordamos uns com os outros, isso já é outro assunto. Disse que fazia falta mais autoridade, sim verdade! Provavelmente exagerei quando disse que seria a autoridade do Salazar», acrescentou

«A verdade é que estou cansado de tanto crime. Fui mal interpretado. Ainda assim nada vos dá o direito de me ameaçar de morte ou mesmo ofender a minha pessoa e a minha família», pode ler-se na publicação.

Nesta mesma nota, refere ainda que «Mário Machado foi entrevistado por Manuel Luís Goucha e a maneira como o apresentador debateu é um dos exemplos de como se deve lidar com este tipo de tema»: «O contraditório é importante sempre! Porque todas as pessoas devem ter opinião, viva a democracia!», termina.

Recorde-se que Mário Machado foi condenado a dez anos de prisão, em 2012, pelos crimes de discriminação racial, coação agravada, posse ilegal de arma e ofensa à integridade física qualificada, entre outros ilícitos.

-ERC coloca-se do lado da TVI: Entidade Reguladores defende estação de Queluz de Baixo

Texto: Redação WIN, Conteúdos digitais ; Fotos: Reprodução Redes Sociais

 

PUB
Top