Marco Costa processa SOS Animal após duras críticas

Marco Costa, Carolina Pinto e a filha de ambos, Maria Emília, viajaram para o Dubai. Há uma publicação do pasteleiro que está a dar que falar.

30 Jan 2024 | 11:06
-A +A

Marco Costa foi de férias para o Dubai com a noiva, Carolina Pinto, e a filha, Maria Emília. O empresário visitou um zoológico privado com vários animais selvagens… e acabou arrasado. A associação SOS Animal acabou mesmo por emitir um comunicado: “Lamentavelmente mesmo com tanta informação observamos figuras públicas a promover a cruel indústria do turismo com animais sem qualquer preocupação com o seu bem estar”, lê-se.

Leia ainda: Carolina Pinto desvenda mudança de ex-BB após ser pai

“Enviamos a seguinte informação ao Marco Costa: – “Caro Marco Costa, gostaríamos de partilhar algumas preocupações sobre a promoção de animais selvagens em zoológicos. Os zoológicos não conseguem proporcionar um ambiente adequado para as espécies que detém em cativeiro, limitando a expressão natural de seus comportamentos. Ao invés de incentivar cativeiros, consideremos focar em projetos de conservação e educação para proteger e preservar essas espécies incríveis em seus habitats naturais. Acredito que, juntos, podemos fazer a diferença!”

“Nenhum animal selvagem deve estar aprisionado ou ser obrigada a interagir com outras espécies. Se gosta de animais por favor informe-se sobre como interagir com estes com ética e jamais promova o cruel negócio dos animais em cativeiro. A informação já é muito e temos a responsabilidade de fazer mais. Se precisar de mais dados sobre este tema estamos disponíveis”. “Pedimos aos nossos seguidores para pedir educadamente ao senhor Marco Costa para rever a sua informação sobre este tema e não promover crueldade com animais. Os zoológicos e a prática de acorrentar animais para fotos vão contra a essência da vida selvagem. Vamos repensar o respeito à vida animal e promover a preservação em ambientes naturais“, completaram.

“Tentativa de denegrir o meu bom nome!”

Marco Costa manifestou-se: “não sei qual o direito que vos dei em usar a minha imagem para uma publicação deste género. Sei que o fazem para atrair um boom para a vossa página. Mas farei tudo dentro dos lugares corretos pelo vosso uso sem autorização e tentativa de denegrir o meu bom nome! Podem defender tudo o que quiserem sem atacar ninguém! Falaremos em breve.”

O pasteleiro recebeu uma reposta da SOS Animal: “lamentamos que seja esta a sua postura e não a de entender como pode não contribuir para maltratar animais.”

Texto: Joana Dantas Rebelo
Fotos: redes sociais
PUB