Maria Cerqueira Gomes cancelou casamento 5 dias antes: “Foi muito difícil”

Maria Cerqueira Gomes falou com Cristina Ferreira sobre o fim das duas relações que se lhe conhecem. A primeira quase resultou em casamento, mas a nortenha cancelou-o cinco dias antes da cerimónia.

07 Nov 2020 | 21:05
-A +A

Maria Cerqueira Gomes cancelou o casamento que tinha marcado com Gonçalo Gomes, o pai da filha, Francisca, cinco dias antes da data para a qual a cerimónia estava marcada.

Em entrevista a Cristina Ferreira, a apresentadora da TVI confessou que foi uma época “difícil” e que precisou de dois anos para superar os traumas deixados por essa vivência.

“O Gonçalo e eu (…) tínhamos aquele amor que era mesmo visceral. Era a loucura. Depois, fui mãe [aos 19 anos, de Francisca], desisti do curso de Direito e fiquei muito perdida. ‘O que é que vou fazer? Que curso vou tirar?’. Depois, ia casar… e não casei. Foi assim. Separámo-nos”, revela a comunicadora, de 37 anos.

“Eu tinha tudo, Cristina. Presentes, vestido… O casamento foi cancelado cinco dias antes da data. Tinha tudo”, acrescenta.

 

“O sonho de casar ficou completamente arrumado”

 

Sem querer explicar as razões da rutura, Maria Cerqueira Gomes desabafou sobre os “dois anos de luto” seguintes. “O sonho de casar ficou completamente arrumado. Perdi qualquer tipo de encanto pelas relações, pelo amor”, confessa.

Maria e Gonçalo ainda voltaram a dar uma nova oportunidade, até tudo ter terminado definitivamente: “Voltei a viver quatro anos com o Gonçalo e separei-me dele, que está agora muito bem entregue, muito bem casado”.

“Foi muito difícil. Achei que nunca mais ia querer falar em casamento, da mesma maneira que nunca mais queria falar em voltar a ser mãe. Estive muitos anos para voltar a querer ser mãe. Depois, encontrei o António, foi muito bom”, admite, referindo-se a António Miguel Cardoso, de quem tem um filho, João, de dois anos, e cuja relação viu o fim no ano passado.

 

“A relação não acabou porque o nosso amor acabou”

 

Na mesma entrevista, a ex-colega de Manuel Luís Goucha no “Você na TV!” abre ainda o livro sobre este seu ex-companheiro, garantindo que foi “a distância” que “agudizou o que já estava mal”. Recorde-se que Maria trocou o Porto por Lisboa, onde viveu durante ano e meio, para apresentar com Goucha o programa das manhãs da TVI. António Miguel Cardoso ficou no Porto.

“Sou uma lutadora, persisto, insisto. A relação não acabou porque o nosso amor acabou. Isso é triste. Acabámos porque temos os dois formas de estar muito diferentes”, justifica.

 

VEJA TAMBÉM:
Maria Cerqueira Gomes sobre mudança para a TVI: “O Manel não ajudou sempre”

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top