Maria do Céu e Amélia de Jesus: o que une e separa as euromilionárias portuguesas!

Em Alvorinha, terra da série Golpe de Sorte, quase todos gostam de Maria do Céu. Em Ariz, Amélia de Jesus, a verdadeira euromilionária, não é uma figura querida. Nem para o padre da paróquia local.

21 Set 2019 | 21:50
-A +A

Desde que estreou que a série da SIC, Golpe de Sorte, tem sido líder incontestável de audiências. A humilde Maria do Céu Garcia (Maria João Abreu), de Alvorinha, conquistou desde o primeiro segundo o coração dos portugueses que têm acompanhado a vida da antiga vendedora de fruta e da sua família, depois de ganharem o Euromilhões. Embora esta seja uma história de ficção, a verdade é que Portugal já tinha uma euromilionária bem conhecida – Amélia de Jesus.

Nascida e criada em Ariz, Marco de Canaveses, esta portuguesa também veio «do nada» e ganhou «a sorte grande», depois de ter acertado nos números mágicos e recebido o primeiro prémio, de 41 milhões de euros. No entanto, estes parecem ser dos poucos factos reais que se cruzam com a história da trama escrita por Vera Sacramento.

Em conversa com a autora de Golpe de Sorte [N.R.: Ver edição n.º 1686, de 08/07/2019], esta deixou bem claro à TV 7 Dias que a euromilionária que criou «não foi inspirada na realidade, nem há nenhum ponto de contacto entre ambas».

A equipa de reportagem da TV 7 Dias rumou a norte, mais precisamente à freguesia de Ariz, para procurar Amélia de Jesus e tentar perceber as diferenças e semelhanças com Maria do Céu.

 

Toda a reportagem na edição desta semana da TV 7 Dias, que chega às bancas esta sexta-feira!

 

Texto: Maria Inês Gomes | Fotos: Impala e SIC

PUB
Top