Maria Vieira ARRASA vereador do Bloco de Esquerda nas redes sociais!

Maria Vieira está no outro lado do Oceano mas ainda assim continua atenta ao que vai acontecendo no País que viu nascer. A atriz portuguesa não se poupa nos comentários e ataca Ricardo Robles.

30 Jul 2018 | 17:21
-A +A

Após ter adquirido um imóvel à segurança social pelo valor de 347 mil euros, que foi posteriormente colocado à venda por 5,7 milhões de euros, Ricardo Robles viu o seu nome ser envolvido numa polémica.

Toda a polémica surge porque o vereador demissionário da Câmara Municipal de Lisboa tem vindo a lutar, através das mãos do Bloco de Esquerda, contra os despejos e a especulação imobiliária na autarquia.

Maria Vieira mudou-se para o Brasil mas continua de olhos postos em Portugal a acompanhar a atualidade nacional.

Embora esteja do outro lado do Oceano, a atriz não deixou de «atacar» quem quer que seja através das redes sociais, e Ricardo Robles não escapou aos comentários de Maria Vieira.

«Estou a viver aqui, do outro lado do oceano, mas faço questão de acompanhar o que se passa no meu país e tenho andado a digerir esta ‘extraordinária’ notícia antes de decidir escrever algo sobre a mesma, por isso cá vai: este fulano, vereador do BE na Câmara Municipal de Lisboa, um pseudo-comunista/caviar da pior espécie, um clone do Pablo Iglésias do Podemos de Espanha, fez aquilo que na generalidade os socialistas e comunistas são exímios a fazer, ou seja, mentiu, enganou, aldrabou, ‘engrupiu’ uma data de gente e pensou que se ia continuar a safar porque vive num país cujo povo é muito fácil de enganar!», começa por dizer Maria Vieira.

No entanto, a atriz portuguesa não fica por aqui e vai mais longe admitindo que desta vez, «o aldrabão lixou-se», referindo-se a Ricardo Robles.

«O aldrabão lixou-se»

«Mas desta vez, o aldrabão lixou-se, foi apanhado com a boca na botija e com ele arrastou toda aquela gente que vegeta no BE, fazendo de conta que se preocupa com os pobres enquanto vão levando vida de ricos! Entretanto, as coleguinhas dele – a filha do ladrão de bancos e a actriz que nunca o foi – já vieram à praça pública tentar meter água na fervura mas, como é óbvio, acabaram por se afundar ainda mais e assim sendo, eu espero que o povo português aprenda de uma vez por todas que esta gente socialista e comunista é quase sempre isto que se vê, são estes Robles que ‘roblam’, são estas Mortáguas que mentem sem vergonha, são estas Catarinas que aldrabam o próximo e que vivem de aparências como quem apregoa ‘faz ou que eu digo, não faças o que eu faço!’», continua a acusar.

Com as eleições quase à porta, Maria Vieira chega mesmo a dizer que «as 234 pessoas que ainda pensavam votar no Bloco de Esquerda acabarão por mudar o seu voto», declarando assim o óbito ao Bloco de Esquerda.

«Depois deste escândalo, eu acho que até o povo português vai finalmente entender o tipo de gente que esta ‘gente’ é, e consequentemente, as 234 pessoas que ainda pensavam votar no Bloco de Esquerda acabarão por mudar o seu voto e deixar este partido e esta gente desaparecer na névoa da mentira, da ignomínia e da falta de carácter que é subjacente à sua miserável existência! O Bloco de Esquerda morreu! Paz à sua alma!», termina Maria Vieira.

Fotos: Arquivo Impala

PUB
Top