Em fúria, Maya lança acusações: «A SIC não investiu no Cláudio, não lhe deu segurança»

Maya saiu em defesa de Cláudio Ramos. Amiga de longa data da nova contratação da TVI, a apresentadora da CMTV atacou a SIC e revelou pormenores sobre as anteriores condições de trabalho de Cláudio.

12 Fev 2020 | 14:32
-A +A

Maya saiu em defesa de Cláudio Ramos, na sequência da saída deste da SIC. No programa de comentário social da CMTV, a apresentadora do canal da Cofina exaltou-se quando Duarte Siopa afirmou estar preocupado pelo facto de Cristina Ferreira ter investido em Cláudio Ramos. «A Cristina?! Desculpa lá, o Cláudio está na SIC há 18 anos! Ele deu o que tinha para dar! Sempre foi multifacetado, um trabalhador como há poucos.Vocês já viram como foi a vida do Cláudio no ultimo ano?», atira Maya.

O comentador do programa contrapões, afirmando que Cláudio deve um agradecimento a Cristina Ferreira, ao que Maya responde: «E a Cristina não deve ao Goucha?». Amiga de longa data de Cláudio Ramos, Maya trabalhou com a nova estrela da TVI ao longo da década de 2000, precisamente nas manhãs da SIC.

Foram comentadores da extinta rubrica Tertúlia Cor de Rosa, uma das mais populares (e polémicas) dos programas SIC 10 Horas e Fátima, conduzidos por Júlia Pinheiro e Fátima Lopes. «Todos devemos uns aos outros. Isso não impede de fazermos a nossa vida! O Cláudio deve à Cristina como deve à Fátima Lopes», diz ainda Maya.

Cláudio Ramos sem contrato de exclusividade na SIC

A apresentadora e taróloga saiu da SIC em 2013, para integrar a equipa da recém-constituída CMTV. Maya defendeu ainda que, ao longo dos 18 anos em que esteve na SIC, Cláudio Ramos «deu muito» à estação. «Neste último ano até deu mais porque o Cláudio, coitado, saía da SIC à uma, duas da manhã e tinha de lá estar de manhã e isso as pessoas não veem, a grande entrega do Cláudio», atira.

A apresentadora da CMTV vai mais longe, revelando ainda que o apresentador nunca teve contrato de exclusividade com a estação. «O que era justo era a SIC ter dado um contrato de exclusividade ao Cláudio Ramos, tê-lo nos quadros da SIC como tem lá tanta gente que só lá tem o nome. A SIC não investiu no Cláudio, a SIC não deu segurança ao Cláudio», finaliza.

 

Texto: Raquel Costa | Fotos: Arquivo Impala

 

Veja mais:
Tudo na mesma! Estreia de Cláudio Ramos na TVI sem impacto nas audiências
Cláudio Ramos revela «misto de emoções» no primeiro dia na TVI. E faz promessa!

PUB
Top