Mudanças na TVI: “Jornal das 8” passa a ser feito por dupla. “Jornal da Uma” tem reforço

A TVI arranca setembro com mudanças na Informação. O “Jornal das 8” passa a ser conduzido por uma dupla de pivôs, enquanto o “Jornal da Uma” ganha um novo rosto na sua apresentação.

01 Set 2021 | 19:55
-A +A

A TVI dá as boas-vindas a setembro com alterações nos seus principais noticiários. As mudanças incidem, portanto, sobre o “Jornal da Uma” e o “Jornal das 8” e têm efeitos imediatos.

Comecemos pelo último. O bloco informativo das 20 horas vai passar a ser conduzido por uma dupla de pivôs, recuperando uma estratégia que a TVI utilizou pela última vez em meados de 2011, quando Judite Sousa e José Alberto Carvalho se mudaram para o canal e conduziam juntos o noticiário.

Agora, este último e Pedro Mourinho dão as boas-vindas a Sara Pinto. Aquela que é cada vez mais uma aposta segura da Informação liderada por Anselmo Crespo ganha um lugar certo no “Jornal das 8”, passando a marcar presença diária, de segunda a sexta-feira, no principal programa informativo da TVI. A jornalista passa a “coapresentar uma parte do jornal, quer com José Alberto Carvalho, quer com Pedro Mourinho, que continuam a alternar a apresentação entre si”, informa a estação.

À hora do almoço, um novo rosto junta-se aos já habituais pivôs do “Jornal da Uma”. Com a saída de Sara Pinto desta equipa, junta-se Andreia Vale. A jornalista chegou a Queluz de Baixo em junho, ao fim de oito anos na CMTV, tendo estado, até agora, a apresentar vários blocos informativos da TVI24. Chega, por fim, à generalista.

Andreia Vale vai conduzir o “Jornal da Uma”, de forma rotativa, com Lurdes Baeta. João Fernando Ramos continua ao leme do noticiário das 13 horas ao fim de semana.

 

Há novas rubricas nos noticiários da TVI

 

A acrescer às mudanças na apresentação dos noticiários, a TVI conta também com “muitas novidades” no que a rubricas diz respeito. A promessa é feita pelo Diretor de Informação, que assegura ainda a presença de “novos formatos, inovadores”, o que reforça a aposta do canal “em levar aos telespectadores uma informação de qualidade e diferenciadora”.

Exemplo disso é “Crimes quase perfeitos”, “um formato de reportagem documental sobre crimes cometidos em Portugal que tiveram uma história e desenvolvimentos surpreendentes”, detalha a estação. A rubrica estreia-se na semana de 12 de setembro.

Todas as semanas, no “Jornal das 8”, a TVI vai contar também com um formato de Grande Reportagem e com o já conhecido “Repórter TVI”, uma marca que volta a ser aproveitada após ter sido abandonada por uma anterior direção. “Acontece aos Melhores”, “Exclusivo” e “Hora da Verdade” também estão garantidos nesta rentrée. “Os projetos apresentam-se com uma nova imagem e novos conteúdos”, indica ainda a extinção.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB