Muita emoção: Cristina Ferreira deixa Assunção Cristas em lágrimas na TVI

Assunção Cristas não conteve a emoção ao falar com Cristina Ferreira sobre a importância da religião católica nela e nos seus. “A maior herança que posso deixar aos meus filhos é a fé”, disse.

02 Jun 2021 | 16:40
-A +A

Assunção Cristas esteve presente na emissão desta terça-feira, 1 de junho, do programa “Cristina ComVida”. A ex-presidente do CDS-PP nunca escondeu a importância da religião católica na sua vida, tendo sido este um dos temas abordados por Cristina Ferreira durante a entrevista.

Questionada pela também Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI sobre como ficou a sua fé durante o período pandémico, a ex-deputada explicou que as suas crenças permaneceram inabaláveis. “Ficou como uma grande companhia. As missas deixaram de acontecer e passámos a segui-las à distância, de vez em quando, com padres muito queridos e amigos que celebravam para nós”, começou por explanar Assunção Cristas.

Lembro-me, por exemplo, de que os meus pais fizeram 50 anos de casados na pandemia, mas arranjámos uma missa online. Estava a minha irmã em Luanda, a outra minha irmã no Porto e uma outra que tinha ido para Viseu. Eu em Lisboa, o meu irmão também e os meus pais que eu tinha ido buscar para estarem connosco, porque achei que era mau demais não estarem nesse dia connosco, até porque eles sozinhos não conseguiam ligar o computador e ter uma missa por Zoom”, prosseguiu Assunção Cristas, explicando que conseguiu “á distância” colmatar a prática da sua fé.

 

Assunção Cristas: “A maior herança que posso deixar aos meus filhos é a fé”

 

Mãe de quatro filhos, a ex-presidente do CDS-PP contou ainda que conseguiu transmitir a cada um deles importância da religião católica. “Consegui. Eles vão à missa às vezes connosco, outras vezes nos horários que lhes dá mais jeito, mas eu acho que todos eles são pessoas de fé. Espero que os acompanhe a vida toda. Vou ser muito sincera: a maior herança que posso deixar aos meus filhos é a fé. Mesmo“, afirmou, emocionada.

A presença da fé na vida dos filhos é, segundo a própria, uma forma de estes viverem “com imensa alegria todas as fases da vida”. A ex-deputada não segurou as lágrimas no momento em que confidenciou que a fé a ajudou a ultrapassar os períodos mais difíceis. “Saber que alguém nos acompanha torna tudo mais simples”, disse Cristina Ferreira, perante uma Assunção Cristas com dificuldade em segurar as lágrimas. Ainda assim, completou: “E torna tudo mais feliz, mais alegre e mais confiante. Por isso é que eu digo que é o melhor que lhes posso deixar [aos filhos]”. 

 

A reação de Cristina Ferreira: “É no acreditar que está o segredo”

 

Na sequência da entrevista a Assunção Cristas, a anfitriã de “Cristina ComVida” deixou uma mensagem centrada na convidada nas redes sociais. “A televisão dá-me a possibilidade de conversar com pessoas extraordinárias. A Assunção Cristas é uma delas. Hoje senti que estava livre. Acho que nunca a tinha entrevistado de calças de ganga. Hoje estava ali como mãe e professora”, começou por escrever.

Cristina Ferreira lembrou, depois, que a ex-presidente da CDS-PP “sempre” a “incentivou”: “Convidou-me para debates no Parlamento sobre o papel da mulher na sociedade. Foi das que me fez acreditar que podemos ter uma vida pública e familiar de sucesso.”

A responsável da TVI prosseguiu falando sobre o momento que marcou a passagem da ex-deputada pelo seu programa.E hoje, quando as lágrimas se soltaram quando falámos de fé, senti o que sempre soube, é no acreditar que está o segredo”, rematou a Diretora de Entretenimento e Ficção.

Assunção Cristas, de 46 anos, é casada com Tiago Machado da Graça, com quem tem quatro filhos: Maria do MarJosé MariaVicente Maria e Maria da Luz.

 

Texto: Alexandre Oliveira Vaz com Dúlio Silva; Fotos: reprodução TVI e redes sociais

PUB
Top