“Não é o contrato da minha vida”: Eduardo Madeira conta tudo sobre transferência para TVI

Eduardo Madeira recebeu o convite de Cristina Ferreira numa altura em que fechava um negócio com a RTP. O humorista assume que o ‘namoro’ com a diretora da TVI só não deu frutos na SIC “por um triz”.

26 Mar 2021 | 11:50
-A +A

Aos 49 anos, Eduardo Madeira rompeu com um passado feliz na RTP e prepara-se para se estrear na TVI, em “Cristina ComVida”, o novo programa de Cristina Ferreira, que se estreia ao final da tarde da próxima segunda-feira. Em entrevista à TV 7 Dias, o humorista conta tudo sobre os bastidores desta transferência e assume, por exemplo, que o ‘namoro’ com a apresentadora é antigo e que só não deu frutos na SIC… “por um triz”.

Os pormenores do contrato assinado também são revelados nesta conversa. “Não é o contrato da minha vida”, chega mesmo a afirmar o comediante, assegurando que não foi pelo dinheiro que trocou a estação pública pela privada. À nossa revista, na edição em banca, o novo parceiro da Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI revela ainda o teor da derradeira conversa que se viu obrigado a ter com José Fragoso, o Diretor de Programas da RTP, com quem estava a negociar um programa quando recebeu a oferta da malveirense.

Sobre a mudança de canal, antecipamos já o que pensa Eduardo Madeira. “Há duas frases de que gosto muito e que fazem parte da minha vida. Uma delas é popular: ‘Quem muda, Deus ajuda’. (risos) A outra é do Chico Buarque: ‘As pessoas têm medo da mudança. Eu tenho medo que as coisas nunca mudem’. Eu gosto de mudar – talvez por isso mude muitas vezes de casa -, não gosto de coisas estagnadas. Mesmo na própria RTP, o que me fez estar lá… Repare como a própria profissão é uma coisa em que estou sempre a mudar. Ora faço de Donald Trump, ora faço de mulher… Estou sempre a mudar”, diz-nos.

 

Os projetos que Eduardo Madeira pode vir a fazer na TVI

 

À TV 7 Dias, o humorista fala ainda dos projetos que pode vir a abraçar na TVI nos próximos anos. Para já, contudo, está focado em “Cristina ComVida”, onde vai dar vida a “várias personagens”. Sublinhando “a forma entusiasmante e vibrante como a equipa de Cristina e a própria Cristina trabalham”, Eduardo Madeira defende que “esse entusiasmo contagia” quem a eles se juntam.

“Ela disse-me: ‘Tu vais estar comigo no programa e o programa vai passar muito por nós os dois’. Claro que passa primeiro por ela, porque é o ‘Cristina ComVida’, mas foi-me apresentado de uma forma muito respeitosa: ‘Tu tens muita liberdade, brinca, faz aquilo que fazes melhor, os teus bonecos, a tua improvisação, a tua capacidade de criar’. E eu pensei assim: ‘Isto é do que eu gosto. É isto que eu faço, de facto. Ela está a convidar-me para eu ir fazer aquilo de que gosto. Não me está a convidar para eu ir apresentar, sei lá, uma coisa qualquer que não é a minha praia. Não. Ela quer que eu faça aquilo que gosto de fazer’”, recorda.

 

Eduardo Madeira defende Cristina Ferreira: “Trabalhar com ela é muito fascinante”

 

Em conversa com a nossa revista, o humorista sai ainda em defesa da Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI. “Há aquelas pessoas que dizem que ela grita. Claro que grita, é o estilo dela, ela sabe que grita. Quem gosta, gosta. Quem não gosta, não gosta. Depois, outros dizem que ela é da Malveira. Pois é… O que é certo é que ela é uma grande comunicadora e transmite emoções. E é por isso que provoca tantas emoções contraditórias. Há pessoas que a amam de paixão e há pessoas que a odeiam visceralmente”, considera.

E como é trabalhar com Cristina Ferreira? “Ela é incrível. Fala-se isto e fala-se aquilo. As pessoas a trabalhar estão felizes, riem, choram, gritam, zangam-se, voltam a fazer as pazes… Isso é a vida! Faz parte da vida. Até com a pessoa que amamos, em casa, nos zangamos e fazemos as pazes… Com os pais, com os filhos. Faz parte da vida. Trabalhar com ela é muito fascinante e estimulante. Muito”, opina.

 

Na edição desta semana da TV 7 Dias, revelamos todos os segredos desta transferência televisiva: quando e como surgiu o convite de Cristina Ferreira, a duração do contrato com a TVI, o que ele disse à RTP e o que se pode esperar dele em “Cristina ComVida”. Conheça ainda o projeto do qual Eduardo Madeira esteve quase para fazer parte na TVI. Uma grande entrevista para ler na revista em banca.

 

TV 7 Dias

 

Texto: Dúlio Silva (dulio.silva@worldimpalanet.com); Fotos: Divulgação TVI

PUB
Top