Nega atrás de nega: Cláudia Vieira convidada várias vezes a trocar SIC pela TVI

A TVI tem tentado, ao longo dos anos, roubar Cláudia Vieira à SIC. Contudo, a atriz e apresentadora mantém-se fiel à estação de Paço de Arcos e recusa trocá-la pela grande rival.

16 Abr 2021 | 18:03
-A +A

Foi na TVI que Cláudia Vieira conquistou a maior projeção da sua carreira, ao dar vida à personagem Ana Luísa na segunda temporada da série infantojuvenil “Morangos com Açúcar”, em 2004. Formou a dupla de protagonistas – e par romântico – com Pedro Teixeira, com que viria a ter um namoro fora do pequeno ecrã, do qual nasceu Maria, atualmente com 11 anos.

O romance entre os dois atores não durou, assim como a sua colaboração com a estação de Queluz de Baixo, que viria a abandonar em 2008, para integrar diversos projetos na SIC, primeiro enquanto atriz e depois como apresentadora, tornando-se uma das figuras de primeira linha do canal. Ao longo dos últimos anos, Cláudia Vieira admitiu que tem sido requisitada pela estação detida pela Media Capital para lá voltar.

“Eu comecei na TVI. Tenho um carinho gigante pela TVI. Num bom momento da minha vida, optei para ir para a SIC e o convite da TVI foi surgindo… De vez em quando”, confidenciou a atriz e apresentadora, durante a sua participação no podcast “É Preciso Ter Lata”, da autoria de Pedro Ribeiro e Rita Rugeroni.

Sem saber detalhar quantas solicitações foram feitas, nem em que altura foram realizadas, Cláudia Vieira deu a entender que os convites foram feitos em algumas ocasiões. Porém, preferiu manter-se na estação cuja programação é atualmente dirigida por Daniel Oliveira.

 

 

Cláudia Vieira é uma das principais estrelas da SIC

 

Cláudia Vieira é uma das principais apostas da estação de Paço de Arcos e por lá tem integrado vários projetos de ficção ao longo dos últimos anos. Entre eles, “Podia Acabar o Mundo” (2008), “Rosa Fogo” (em 2011, tendo conquistado uma nomeação para os prestigiados International Emmy Awards), “Coração d’Ouro” (2015) e, mais recentemente, “Alma e Coração” (2018), da qual foi protagonista.

A atriz também tem dado cartas numa outra área: a apresentação. Tudo começou em 2009, ao conduzir a terceira temporada do talent show “Ídolos”, ao lado de João Manzarra. Formando a mesma dupla, foi também responsável pela apresentação de um outro concurso de talentos,”Factor X”, em 2014. Em 2020, conduziu a solo “O Noivo É que Sabe” e, mais recentemente, “Regresso ao Futuro”, novamente com João Manzarra, programa entretanto terminado ao fim de 12 emissões.

 

Texto: Alexandre Oliveira Vaz; Fotos: reprodução redes sociais

PUB