Núria Madruga de rastos com a morte do pai: “E agora? Vai ser tão difícil…”

Núria Madruga está de luto pela morte do pai. Numa sentida homenagem feita nas redes sociais, a atriz mostra-se desolada com o desaparecimento e elogia a força da mãe.

15 Nov 2020 | 14:00
-A +A

Núria Madruga chora a morte do pai, Constantino Silva, que perdeu a vida para um cancro aos 66 anos. A atriz quis homenageá-lo e, na noite deste sábado, dia 14 de novembro, deixou-lhe uma mensagem carregada de emoção nas redes sociais.

Pai, sinto-me tão vazia. Queria dedicar-te as palavras mais bonitas do Mundo… mas seriam sempre poucas para tudo o que nós vivemos. A verdade é que éramos mais de abraços, de olhares e de sorrisos marotos. E foram tantos os olhares que trocámos naqueles silêncios onde nos tiraram o chão, mas que tu, com essa força de guerreiro, tornaste gigante toda a definição de resiliência. E agora, pai? Vai ser tão difícil…“, começou por escrever Núria Madruga na legenda de uma fotografia em que pai e filha surgem no dia do seu casamento.

“Resta-me a paz por ter estado contigo em todos os momentos. Já sabes, a qualquer hora e em qualquer lugar, estarei sempre aqui para ti. Não te preocupes, os teus campeões sabem que vais estar sempre por perto a vê-los crescer. E a mãe? Que mulherão. A garra e a coragem que teve para nunca te deixar ir abaixo. Que orgulho nos dois. Amo-te muito, pai”, acrescentou a irmã de Dália Madruga.

Vasco Silva, o marido da atriz, manifestou-se na secção de comentários da publicação, deixando uma mensagem de força à mulher. “Muito orgulho também em ti. Pela forma exemplar como sempre estiveste lá para ele! Agora?! Agora estamos aqui nós… para ti. Sempre”.

Amigos e fãs de Núria Madruga também lhe deixaram palavras de apoio.

 

Texto: Joana Dantas Rebelo; Fotos: Arquivo Impala a reprodução redes sociais

 

VEJA TAMBÉM:
Núria Madruga em grande entrevista: “É importante não desistir”

PUB
Top