“O Noivo é Que Sabe”: Vírus troca as voltas. Casamentos com famosos aguardam sinal verde!

Celebridades do programa da SIC fizeram uma série de pedidos que o estado de calamidade, por causa da COVID-19, está a dificultar.

31 Out 2020 | 15:50
-A +A

A cantora Rebeca e o companheiro, Élio, bem como o casal Pedro Guedes e Kelly Baron formam os dois casais famosos que vão subir ao altar em “O Noivo É Que Sabe”.

A TV 7 Dias sabe que as gravações estavam previstas para breve e que seriam emitidas até ao final do mês de novembro. Contudo, as novas restrições impostas pelo Governo de António Costa, que decretou o estado de calamidade, por causa do aumento de casos em Portugal de COVID-19, vieram trocar as voltas aos noivos e por consequência, à produção.

Por exemplo, um dos pedidos da cantora Rebeca para subir ao altar em frente às câmaras da SIC – depois de ter sido pedida em casamento na TVI, durante uma emissão do Somos Portugal – era para que o casamento pudesse ter muitos convidados, o que face a atual limitação de 50 pessoas neste tipo de celebrações é inviável. No caso de Kelly, a atual conjuntura não ajuda a trazer a família do Brasil para que possa estar presente na cerimónia, como é seu desejo. Apesar deste contratempo, fonte da SIC assegura que tudo vai correr dentro do previsto e a “única alteração que pode suceder é o programa entrar pelo início de dezembro”, revela-nos uma outra fonte.

Para além destes dois casamentos, ainda vão entrar mais três casais, anónimos. Um entra já este domingo (ver caixa) e os outros dois durante o mês de novembro. Aliás, as gravações dos casamentos ainda decorriam no passado sábado, dia 17, com uma das noivas a visitar uma loja para ver os vestidos, na Bobadela, em Loures. No dia anterior foi a vez de o noivo ter gravado no mesmo espaço.

Texto: Luís Correia (luis.correia@impala.pt) e Neuza Silva (neuza.silva@impala.pt)

Veja também:

Audiências: O Noivo É Que Sabe e Big Brother ficam taco a taco

O Noivo É Que Sabe: Novo casal não tem para onde ir viver

PUB
Top