Onde Está Elisa?: Constança pede dois milhões de euros por Elisa

Saiba tudo sobre os principais acontecimentos do episódio desta quarta-feira, dia 11 de março, da série da TVI Onde Está Elisa?.

11 Mar 2020 | 15:56
-A +A

Gonçalo diz abalado a Cláudia que a única coisa que a preocupa é Elisa, e Cláudia não consegue deixar de questioná-lo sobre aquela relação de amor/ódio que todos sentem por Elisa. Raquel e Ana acham as insinuações de Francisca sobre a fortuna de Rui suspeitas e Ana começa a fazer pesquisas na internet.

Carlos vai a casa de Zé Pedro e ao ver o telemóvel partido no chão conclui que fugiu com Constança. Rui e Francisca culpam-se mutuamente de todos os problemas das filhas e Francisca avisa Rui que vai pedir o divórcio e sair dali com as filhas, dizendo-lhe que ele acabará por ficar sem nada quando as suas falcatruas forem descobertas. A discussão é interrompida por um telefonema de Constança para Rui.

Ana investiga o processo de uma rede de falsificadores de notas e relaciona-o com o momento em que Rui também começou a enriquecer, e tira fotografias aos documentos.

Rui diz que Constança lhe exigiu dois milhões de euros para libertar Elisa, e que não tem esse dinheiro, e Francisca percebe que o dinheiro que Rui perdeu há um ano era falso. Rui acaba por assentir, pedindo-lhe que não conte nada a ninguém.

Todos pensam em como conseguir salvar Elisa, agora que já sabem que Constança exigiu dois milhões de euros pelo seu resgate. Carlos refere que a única coisa que podem fazer é seguir o dinheiro. Ana diz a Raquel, Tiago e Carlos que o carro de Constança foi encontrado na Moita. Carlos relativiza por achar que Constança sabe o que está a fazer e Tiago pede-lhe que utilize as suas habituais investigações pouco convencionais para conseguirem resolver finalmente aquele caso.

Constança entra na cabana a empurrar Elisa com a sua arma e ela avisa-a que nada do que fizer vai impedi-la que ela e Bruno fiquem juntos. Elisa, pede aflita ajuda a Zé Pedro, quando o ouve entrar, e Constança avisa-o não se importar minimamente que Elisa morra se alguma coisa correr mal no plano deles.

Ana ganha coragem e conta a Carlos as suas suspeitas de Rui e do procurador estarem envolvidos num esquema de lavagem de dinheiro, que permitiu a ambos subirem na vida ao mesmo tempo. Carlos incentiva Ana a prosseguir as suas investigações e Ana sorri satisfeita com o apoio.

Francisca alerta Rui que pretende mesmo divorciar-se dele mal a história do rapto de Elisa chegue ao fim, repisando não querer continuar a viver com alguém que comete tantas ilegalidades.

Ana liga de um telemóvel barato para Francisca, perguntando-lhe, sob o subterfúgio de trabalhar para uma empresa de estudos de mercado, que opinião tem ela acerca do combate à falsificação de dinheiro e se costuma verificar se as notas que utiliza são falsas.

 

Recorde aqui o que aconteceu no episódio anterior de Onde Está Elisa?.

 

Texto e fotografias: TVI

PUB