Os 25 anos da TVI e os seus 25 programas icónicos

A estação de Queluz de Baixo está a celebrar o seu aniversário e esta foi a nossa forma de dar os parabéns.

20 Fev 2018 | 11:54
-A +A

Foi a 20 de fevereiro de 1993 que a TVI iniciou as suas emissões experimentais, sendo que na altura era intitulado de 4. Só em outubro do mesmo ano chegam as emissões regulares apenas em algumas regiões do território nacional.

Um ano mais tarde passa a ser emitido para todo o território português através de uma rede própria de emissores.

Desde 2005 que batalha com a SIC como líder de audiências, sendo que em 2017 foi líder pelo 13º ano consecutivo.

De forma a celebrar o aniversário do quarto canal reunimos alguns dos melhores e piores programas produzidos pela estação de Queluz de Baixo.

Os 25 programas que marcam o 25º aniversário da TVI

As novelas e séries

Telhados de Vidro – de 22 de fevereiro de 1993 a junho de 1993

Esta foi a primeira novela transmitida pela TVI. Da autoria de Rosa Lobato Faria, ocupou o horário nobre de segunda a sexta-feira. Tinha como protagonistas Tozé Martinho e Rosa Lobato Faria.

Jardins Proibidos – de 8 de abril de 2000 a 28 de fevereiro de 2001

Jardins Proibidos é uma das novelas que marcou a década de 2000. Tinha como protagonistas Vera Kolodzig, Pedro Granger, Ana Nave e Almeno Gonçalves. Foi a primeira novela com mais episódios transmitida no quarto canal.

Olhos de Água – de 20 de fevereiro de 2001 a 6 de outubro de 2001

Olhos de Água foi a quarta novela a ser emitida pela TVI. Na trama, a personagem de Sofia Alves tem uma irmã gémea, também ela interpretada pela atriz. Contou ainda com a participação de Eunice Muñoz, Manuel Cavaco e António Pedro Cerdeira.

Anjo Selvagem – de 3 de setembro de 2001 a 21 de fevereiro de 2003

Anjo Selvagem foi a primeira produção da TVI que foi adaptada de um original de Muñeca Brava. Tinha como atores principais Paula Neves, José Carlos Pereira e António Pedro Cerdeira. Foi também nesta produção que a TVI emitiu pela primeira vez um episódio em direto.

Queridas Feras – de 1 de dezembro de 2003 a 27 de novembro de 2004

Quem não se lembra desta novela onde a atriz Fernanda Serrano rapou o cabelo num dos episódios quando foi diagnosticado cancro na mama à sua personagem. Anos mais tarde, corria o ano de 2008 a atriz informa em comunicado que estava a lutar contra um cancro da mama.

Ninguém Como Tu – de 3 de abril de 2005 a 20 de dezembro de 2005

A novela Ninguém Como Tu foi uma das que deu mais audiência à TVI. Na altura, a trama levou a que a morte da personagem interpretada por Nuno Homem de Sá fosse uma das respostas que os português mais procuravam, algo que só foi desvendado no último episódio.

Nesta altura a cassete que continha o último episódio da novela foi transportada dentro de uma caixa forte até às instalações da TVI onde ficou guardada dentro de um cofre até à hora em que seria emitido.

Meu Amor – de 19 de outubro de 2009 a 23 de outubro de 2010

A novela Meu Amor, cujas personagens principais foram interpretadas por Alexandra Lencastre, Margarida Marinho, Rita Pereira e Paulo Pires, foi a primeira produção da TVI a vencer um Emmy na categoria de melhor telenovela em 2010.

Super Pai – de dezembro de 2000 a 2002

Foi uma das séries que mais marcou os últimos anos da TVI. Sendo uma adaptação de uma série espanhola, a versão portuguesa era interpretada por Luís Esparteiro, Filipa Maló Franco, Sofia Arruda, Madalena Brandão e Sandra Faleiro.

 Morangos com Açúcar – de 30 de agosto de 2003 a 15 de setembro de 2012

Quem não se lembra da eterna série juvenil? Os Morangos com Açúcar tiveram nove temporadas e um filme. Foram vários os casais que passaram por esta produção da TVI mas certamente que a Joana e o Pipo (interpretados por Benedita Pereira e João Catarré) marcaram o início de uma nova aposta da estação.

Inspector Max – de 14 de março de 2004 a 2005

Esta é uma série da autoria de Virgílio Castelo e retrata a vida de um inspector da polícia judiciária e da sua família. Conta com a participação de Fernando Luís, Rui Santos e Ruy de Carvalho, bem como muitos outros nomes da ficção nacional.

Em 2017 a TVI inicia a produção da 4ª e última temporada da série que está já a ser emitida pela estação.

Ficheiros Secretos e Marés Vivas

Sabia que a estação de Queluz de Baixo foi a pioneira na emissão das séries internacionais Ficheiros Secretos e Marés Vivas? Estas duas produções eram emitidas, uma ao final da noite, e outra aos fins de semana.

Os programas

A Amiga Olga – de 1993 a 1994

Foi um dos primeiros concursos a ser emitido pela TVI. Era apresentado por Olga Cardoso que ficou conhecida por ser «A Amiga Olga».

Big Brother 1 – de 3 de setembro de 2000 a 31 de dezembro de 2000

O Big Brother foi o primeiro reality show emitido e produzido em Portugal. Na altura, foi um dos programas mais polémicos da época. Foi apresentado por Teresa Guilherme durante todas as edições e o primeiro vencedor foi Zé Maria.

Casa dos Segredos 1 – de 3 de outubro de 2010 a 31 de dezembro de 2010

Festejavam-se os 10 anos desde a estreia do Big Brother e a TVI celebrava com um novo reality show. Desta vez a apresentação ficou a cargo de Júlia Pinheiro e teve António, o concorrente que tinha o segredo «Sou dono de um bar de alterne», como vencedor.

Love On Top 1 – de 9 de abril de 2016 a 11 de junho de 2016

O Love On Top foi o primeiro reality show da TVI a ser totalmente emitido num canal por cabo. Contou com a apresentação de Teresa Guilherme nas primeiras edições e Isabel Silva na última. Foi considerado um dos piores programas a nível de audiências.

Rising Star – de 4 de maio de 2014 a 27 de julho de 2014

Foi um programa apresentado por Leonor Poeiras e Pedro Teixeira no qual vários concorrentes interpretavam uma música e cabia ao público decidir se avançavam ou não na competição. Este foi um dos verdadeiros flops da TVI tendo tido apenas uma edição.

A Tua Cara Não Me É Estranha – de 22 de janeiro de 2012

Este é «o seu programa de domingo à noite», conforme indicam os apresentadores sempre que sobem ao palco. Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira dão a cara, e os convidados dão a voz e animam as suas noites de domingo.

Você na TV – de 13 de setembro de 2004É o programa que ocupa as manhãs da TVI. Apresentado por Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha é emitido de segunda a sexta. Tem várias rubricas, passatempos, eventos e momentos de reportagem em vários pontos do país.

Batatoon – de 1998 a 2002

 O Batatoon era apresentado por dois palhaços e fazia a delícia das crianças todos os sábados de manhã. Deixou de ser emitido em 2002 após uma zanga entre os dois apresentadores que chegou a originar pancadaria em direto.

Fiel ou Infiel – de 2005 a 2007

Foi apresentado em Portugal pelo brasileiro João Kléber e testava a fidelidade dos casais que se inscreviam no formato.

Doutores e Engenheiros – de 1994 a ?

Era um programa apresentado por Mila Ferreira e Nuno Graciano e levava a estúdio alunos universitários ou tunas académicas que desempenhavam diversos jogos.

Jornal Nacional apresentado por Manuela Moura Guedes – de 1995 a 2009

O Jornal Nacional, e posteriormente Jornal das 8 apresentado por Manuel Moura Guedes foi um dos noticiários mais polémicos que alguma vez existiu na TVI. A pivô acabou por ser suspensa durante a investigação que envolvia o ex-primeiro ministro José Sócrates.

Melhor que Falecer – emitido em 2014

Melhor que Falecer foi uma rubrica do Jornal das 8 na qual Ricardo Araújo Pereira comentava a atualidade política de Portugal. A rubrica acabou por não seguir em frente tendo sido descontinuada no mesmo ano.

Comentários do Professor Marcelo – de 2010 a 2015

Durante muito tempo Marcelo Rebelo de Sousa foi o comentador convidado de todos os domingos. Neste espaço, o atual Presidente da República comentava a vida política que se vivia em Portugal.

Fotos: Arquivo Impala

 

 

PUB
Top