Pedro Crispim revela que ficou com sequelas da COVID-19. Saiba o que aconteceu

Pedro Crispim esteve infetado com covid-19 e ficou com sequelas. O comentador do “Big Brother – Duplo Impacto” e stylist falou sobre o assunto no “Extra” desta segunda-feira.

02 Fev 2021 | 16:40
-A +A

A covid-19 passou por Pedro Cripim de forma relativamente ligeira, mas deixou sequelas no comentador do “Big Brother – Duplo Impacto”. No “Extra” desta segunda-feira, 1 de fevereiro, o stylist confessou ter ficado com alguns problemas depois de ter estado infetado.

“Fiquei com sequelas a nível cognitivo e a nível pulmunar. A memória… tenho alguma…”, disse Pedro Crispim, sem completar a frase, referente às dificuldades que agora sente, à apresentadora Alice Alves e aos colegas Luís Borges e Fanny Rodrigues.

O stylist, que já tinha adiantado pertencer ao chamado grupo de risco, uma vez que padece de asma, ficou infetado depois de A Pipoca Mais Doce e Flávio Furtado terem também testado positivo ao novo coronavírius.

Acabou por ter sintomas ligeiros, como “uma pressão ligeira no peito e algumas dores musculares”.

Flávio Furtado com pneumonia

Flávio Furtado foi diagnosticado com uma pneumonia e teve de ser medicamente assistido. Ao contrário de Pedro Crispim, a covid nao tem dado descanso ao também comentador do “Big Brother”. “Depois de tudo o que é sintoma, falta de ar e uma ida ao hospital e a notícia de que estás com pneumonia”, escreveu Flávio nas redes sociais, aconselhando: “Não virem as costas a este problema. Fiquem em casa. Usem SEMPRE máscara”.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução Instagram

Veja também:
“Não admito”: Pedro Crispim está farto e lança ultimato à produção do “Big Brother”
Pedro Crispim arrasa Helena Isabel: “Deve estar tão magoada, ferida, zangada, frustrada”

 

PUB
Top