Pedro Granger continua em silêncio: Alexandra Lencastre envia mensagem emotiva ao amigo

Pedro Granger, que está afastado da vida pública há quatro meses, é o destinatário de uma emotiva mensagem de Alexandra Lencastre. “Tenho saudades tuas, biscoito”, diz a amiga.

23 Ago 2021 | 21:37
-A +A

Pedro Granger continua desaparecido da vida pública e Alexandra Lencastre fez questão de enviar uma mensagem ao ator. Este domingo, 22 de agosto, a atriz usou as redes sociais para expressar o que sente e partilhou uma fotografia na qual os dois surgem abraçados e em que este surge com um ar visivelmente feliz.

“Miss you, cookie”, escreveu na legenda, o que, em português, pode ser traduzido como “Tenho saudades tuas, biscoito”. Rapidamente, os fãs da atriz comentaram a publicação, demonstrando também preocupação com a ausência de Pedro Granger e com as notícias que têm vindo a público.

“Uma pessoa talentosa e que merece todo o nosso carinho”, escreveu um internauta. “O Pedro é tão querido, talentoso, charmoso, educado, cavalheiro… Merece tudo de bom” e “Seja onde for, seja como for, sê feliz”, acrescentaram outros seguidores, com muitos a comentar apenas com emojis em forma de coração.

 

Por que razão desapareceu Pedro Granger?

 

Pedro Granger desapareceu da vida pública há cerca de quatro meses, como a TV 7 Dias noticiou em primeira mão. Desde então, não tem sido visto, nem tem atualizado as suas redes sociais. Alguns órgãos de comunicação social têm avançado que o ator está internado num centro de reabilitação para tratar algumas dependências. No entanto, o jornalista Adriano Silva Martins, comentador do programa “Manhãs CM”, da CMTV, veio desmentir estas notícias.

“Falei com pessoas e dizem-me várias coisas: o Pedro não está desaparecido, porque uma pessoa que tem um problema e não quer que se saiba, deixa o seu agente com a sua conta de Instagram para ir publicando várias coisas e disfarçar a coisa. Ele está ausente por uma questão pessoal dele e por uma questão própria dele. Ele quer estar ausente”, explicou.

 

Leia mais aqui.

 

Texto: Patrícia Correia Branco; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB