Pedro Lima é notícia no estrangeiro: “Aparente felicidade era mero disfarce”

A entrevista que o filho mais velho do ator Pedro Lima deu a Júlia Pinheiro chegou ao Brasil. A imprensa daquele país destaca o testemunho corajoso de João Francisco sobre a saúde mental.

13 Jan 2021 | 10:30
-A +A

A entrevista concedida pelo filho mais velho de Pedro Lima a Júlia Pinheiro quebrou fronteiras e chegou ao Brasil. A conversa chamou a atenção da imprensa daquele país pelo facto de João Francisco ter feito um apelo à importância da saúde mental. Pedro Lima, recorde-se, tinha 49 anos e morreu, em junho do ano passado, alegadamente por vontade própria.

“Publicamente e até entre pessoas próximas, Pedro Lima não demonstrava estar em crise pessoal. Vivia sorridente nos estúdios do canal TVI, dava entrevistas com entusiasmo, acompanhava entusiasmado a construção de uma nova casa, surfava sempre que possível. Contudo, a aparente felicidade era mero disfarce para os sentimentos sombrios que o perturbavam. Apesar do tratamento psiquiátrico, sucumbiu”, lê-se no site Terra.

A publicação brasileira continua: “Alguns meses depois de sua morte, o filho mais velho, João Francisco, decidiu contrapor o luto com trabalho social. Tornou-se divulgador de campanhas de prevenção ao suicídio e de incentivo aos cuidados com a saúde mental. No início de janeiro, o estudante de 21 anos apareceu pela primeira vez diante das câmaras de um programa de TV, na SIC, emissora parceira da Globo em Portugal.

 

Filho de Pedro Lima revela: “O meu pai dizia que se sentia triste”

 

A entrevista a Júlia Pinheiro, que decorreu num tom honesto, levou João Francisco a reconhecer que o pai poderia estar a lutar contra uma depressão. “Ele partilhava comigo. Dizia que se sentia triste, que estava preocupado, desanimado”, confessou o filho mais velho do ator. É neste sentido que a imprensa brasileira ‘tira o chapéu’ a João Francisco e faz um alerta para o facto de a taxa de suicídio no Brasil ser alta e corresponder maioritariamente a homens.

“Pedro Lima nunca trabalhou no Brasil, mas era admirador da teledramaturgia feita aqui e cultivava amizade com atores brasileiros. Numa rede social, tinha fotos ao lado de alguns — Rodrigo Santoro, Camila Pitanga e Mariana Ximenes entre eles”, finda o site Terra.

 

Texto: Carolina Sousa; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB
Top