Pedro Teixeira fala sobre período conturbado da separação: «Perturbou-me imenso»

Pedro Teixeira esteve no Dia de Cristina e abriu o coração a Cristina Ferreira. O namorado de Sara Matos recordou a sua estreia na apresentação, salientando que foi uma «grande tragédia».

29 Set 2020 | 21:40
-A +A

Pedro Teixeira foi recebido de braços abertos por Cristina Ferreira no mesmo estúdio que os uniu, quando apresentaram juntos Apanha-me Se Puderes. Apesar de Cristina ter ido para a SIC, os dois mantiveram sempre uma forte amizade e o apresentador não esconde a alegria que teve ao saber que a amiga está de regresso à «casa mãe».

O também ator assume que sentiu «saudades» de Cristina e que trabalhou muito nos últimos dois anos. «Tu estás um homenzinho. Não sentes isso? Estás crescido», diz a empresária. Pedro Teixeira assume que está mais «tranquilo» mas que nem sempre foi assim, revelando que, no passado, a vida pessoal acabou por ter impacto na vida profissional.

«Quando comecei a apresentar o Rising Star com a Leonor Poeiras foi uma altura muito conturbada da minha vida. Eu estava a separar-me, foi uma grande confusão», começa por dizer. «O facto de ter de ficar longe da Cláudia [Vieira], longe da Maria, aquela coisa toda perturbou-me imenso», refere.

«Foi uma grande tragédia»

Pedro sente que não agarrou a oportunidade como devia ser e sente-se culpado. «Ao mesmo tempo estava a ter uma grande oportunidade, em apresentar um programa em horário nobre. Foi uma grande tragédia. Sinto que podia ter aproveitado mais, tive a sorte de ter a Leonor sempre ali perto e dar-me a mão e isso ajudou-me bastante», revela.

«Podia ter aproveitado mais e desfrutado o momento», remata.

Recorde-se que Pedro Teixeira e Cláudia Vieira separaram-se no ano de 2014, após nove anos de casamento.

Texto: Inês Borges; Fotos: DR
Veja também:
Portugal esteve na TVI, mas Goucha e Pedro Teixeira foram arrasados!
Cláudia Vieira arrasa Pedro Teixeira! Somos Portugal continua a perder para Domingão

 

 

 

 

PUB
Top