“Prefiro sempre morena”: Sara Matos torce o nariz a visual escolhido para o “Ídolos”

Sara Matos mudou de visual para apresentar o “Ídolos”, que estreia em breve na SIC. A atriz diz que aceita qualquer desafio, mas “está a ser um processo”.

06 Abr 2022 | 10:30
-A +A

Sara Matos estreia-se na apresentação já no próximo sábado, 9 de abril, ao conduzir o “Ídolos”, na SIC. Para abraçar este novo desafio, a atriz apostou num novo visual, surgindo com o cabelo mais comprido e bastante mais claro do seu tom natural. Uma mudança que Sara aceitou sem medos, mas à qual ainda se está a habituar. “Está a ser um processo“, contou durante a apresentação do programa que decorreu a 30 de março, no Capitólio, em Lisboa.

“Quando surgiu este convite, a equipa que me ajuda no styling propôs-me mudar. Disseram-me: ‘Tens de mudar, assim uma coisa completamente diferente’. Como aceito tudo, pensei: ‘Porque não?!’. É construir a personagem”, contou a anfitriã do talent show do canal de Paço de Arcos, embora não se mostre muito convencida com o seu novo look. “Aqui entre nós, que ninguém nos ouve, prefiro sempre morena porque é o meu tom de pele”, concluiu divertida. Nas redes sociais, os fãs aprovam a mudança e foram muitos os que elogiaram a apresentadora. “Linda!”; “Bomba!”; “Gira, pah! Que tudo corra bem!”; “Maravilhosa” foram alguns dos comentários.

Sara Matos em excelente forma física

Seis meses depois de ter sido mãe de Manuel – fruto da sua relação com Pedro Teixeira – Sara Matos está em excelente forma física e revela que não há grandes fórmulas para manter uma silhueta invejável. “É a consistência no treino, sempre treinei bastante antes de engravidar e depois mantive. É aquele tempinho que tenho para mim”, diz, sublinhando que não sabe se a genética ajudará. “Sempre tive cuidados com alimentação para ter energia e trabalhar durante o dia. Esse é o truque, além de beber muita água e dormir quando se pode”.

Radiante com o projeto do Ídolos, Sara Matos garante que vai explorar a sua espontaneidade e diz estar preparada para o direto das galas. Nervos? Alguns, mas, segundo a própria, não se comparam aos dos concorrentes. “A comparar com eles estou zero nervosa. Eles têm de ter a coragem de subir a um palco e tentarem conquistar os quatro jurados que são excelentes profissionais e muito críticos, críticas construtivas. Ao lado deles, sinto-me uma pena”, confessou, acrescentando sentir-se grata por os candidatos terem a generosidade de partilharem todas as emoções consigo.

Texto: Carla S. Rodrigues; Fotos: Redes sociais

PUB