“Pretos imundos”. Filhos de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso sofrem racismo em Portugal

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso estavam num restaurante quando uma mulher começou a insultar os filhos do casal. Polícia foi chamada e fez uma detenção.

31 Jul 2022 | 13:00
-A +A

Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso estão de férias em Portugal e foram vítimas de um grave episódio de racismo, dirigido aos filhos, num restaurante de praia da Costa de Caparica. O casal já apresentou queixa e a mulher foi detida.

Tudo aconteceu neste sábado, 30 de julho, no Clássico Beach Club. Uma mulher que estava no local gritou para que tirassem “aqueles pretos imundos dali”, referindo-se aos filhos adotivos dos atores brasileiros, Chissomo e Bless. Giovanna Ewbank não se calou e, num vídeo que está a correr as redes sociais, é possível ver e ouvir a sua reação. “Sua filha de uma p***, você é horrorosa, feia. Você é nojenta. Olha para a tua cara! Você merece soco, uma porrada”, gritou a atriz brasileira, exaltada.

Bruno Gagliasso estava ao lado da atriz, mas limitou-se a dar apoio à mulher.

 

Veja o vídeo:

 

 

Num outro vídeo, que pode ver aqui, é possível ver a mulher que insultou os filhos de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso a ser levada por agentes da Polícia de Segurança Pública.

A Trigo Casa de Comunicação, que faz assessoria a Giovanna Ewbank, emitiu um comunicado a informar que a mulher em causa ofendeu ainda “uma família de turistas angolanos que estavam no local – cerca de 15 pessoas negras”. “A criminosa pedia que eles saíssem do restaurante e voltassem para a África, entre outras absurdos proferidos às crianças, tais quais ‘pretos imundos'”. “Giovanna reagiu e enfrentou a mulher, enquanto Bruno Gagliasso, o seu marido, chamou a polícia. (…) Informamos ainda que Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank prestarão queixa contra a racista formalmente na polícia portuguesa. (…) Racismo é crime”, acrescenta.

Também o Clássico Beach Club emitiu nas redes sociais uma nota de repúdio, partilhada ainda pelo conhecido chef Olivier da Costa, o proprietário. “O Clássico Beach Club vem pela presente repudiar as condutas criminosas e racistas praticadas por uma mulher branca contra os filhos de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso, além de turistas angolanos que estavam no nosso restaurante em Portugal. O Clássico Beach Club prestou toda a assessoria às vítimas e coloca-se à disposição para fornecer as imagens e auxiliar na responsabilização da criminosa, que foi presa em flagrante. Lamentamos que em 2022 tais condutas ainda sejam perpetradas e reforçamos o nosso compromisso em combater práticas racistas e discriminatórias. Informamos que esta pessoa está banida de todos os restaurantes da rede”, lê-se.

Pode ver tudo na nossa galeria.

O casal brasileiro adotou as crianças Chissomo e Bless no Malawi. Os dois atores são ainda pais biológicos de Zyan.

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução redes sociais e D.R.

PUB