“Pura maldade”: Jornalista da RTP Cristina Esteves vítima de assalto

Cristina Esteves teve uma surpresa desagradável no final desta semana, ao ter sido vítima de assalto. A jornalista do canal público mostra as imagens

28 Ago 2022 | 19:50
-A +A

O final desta semana terminou da pior maneira para Cristina Esteves. A jornalista da RTP foi vítima de assalto e decidiu partilhar o sucedido com todos aqueles que a seguem nas redes sociais e acompanham o seu trabalho. O rosto do canal público, de 49 anos, contou que a sua viatura foi assaltada e mostrou imagens dos estragos.

“Nem ser acordada assim e terem obrigado a pelo menos um dia de burocracia me tira o bom humor”, começou por dizer Cristina Esteves na sequência das fotos. “Partiram mas não conseguiram levar o carro. Ah pois é!”, adiantou.

Depressa a publicação se encheu de comentários de seguidores a lamentarem a situação e mostrando-se solidários com o pivô da RTP. “O requinte com que se faz mal as pessoas e seus bens é absolutamente incrível”, “Só malandragem, que tristeza”, “Pura maldade”, “Que gente tão má” são alguns dos exemplos.

Veja as imagens na nossa galeria.

Cristina Esteves enfrentou um tumor maligno

Foi durante uma conversa com Cristina Ferreira, n’O Programa da Cristina, TVI, que Cristina Esteves abriu o coração para falar dos momentos mais marcantes da sua vida, como a morte dos pais, o tumor na boca e o encontro com o Papa João Paulo II.

A jornalista da RTP enfrentou um tumor maligno em 2014, que a obrigou a ser operada de urgência. “Senti uma coisinha. Começou a inchar, inchar, inchar e se rebentasse ia ser grave. Podia rebentar a qualquer momento. Podia ter uma hemorragia muito grande”, começou por contar a Cristina Ferreira.

“Foi retirado, levei 30 pontos. Quando voltei, passado 1 mês voltei ao telejornal. Só não voltei antes porque me custava a falar”, continuou, acrescentando que sempre tentou encarar a doença da melhor maneira. “Tudo nos traz aprendizagens, mesmo o que é negativo. Pensamos que foi péssimo, mas que podia ser pior. Estou cá.”

Texto: Carla S. Rodrigues; Fotos: DR

PUB