Quem tratou MELHOR e PIOR Inês Castel-Branco: SIC, TVI ou RTP? Eis a resposta

Inês Castel-Branco estreou-se como atriz em 2000, na SIC. Desde aí, a atriz portuguesa já passou pelos principais canais generalistas e aponta qual a estação televisiva que melhor a tratou.

12 Mar 2019 | 9:05
-A +A

A manhã de segunda-feira, 11 de março, começou com pressão para Inês Castel-Branco. A atriz, de 37 anos, foi a convidada do programa Snooze, da Mega Hits, e os animadores de rádio, Rui Maria Pêgo, Maria Correia e Conguito,  conseguiram arrancar um «cala-te boca» da filha de Luísa Castel-Branco.

Com 19 anos de carreira e apesar de, desde 2011, estar na SIC, a atriz já passou também pela RTP e TVI. Inês Castel-Branco foi questionada sobre qual a estação televisiva que melhor e pior a tratou e não fugiu à questão.

«A [estação] que me tratou melhor foi a SIC onde eu continuo, provavelmente por isso», respondeu de imediato a atriz. «Acho que as outras [RTP e TVI] me trataram de forma igual, nenhuma me tratou mal. A TVI, houve uma altura em que tive de trabalhar muito para olharem para mim, é verdade», esclareceu, não apontando o papel de pior a nenhuma das estações televisivas.

Leia ainda: Inês Castel-Branco NO CINEMA com «a história de AMOR que MUDOU PORTUGAL»

 

«Com quem gostavas de evitar trabalhar novamente?»

Depois de ter usado o «cala-te boca» na pergunta que exigia que identificasse um colega de profissão que fosse «canastrão» e de ter garantido que não falava mal de colegas em público, a atriz volta a ser questionada com uma pergunta do género.

«Imagina que a partir de hoje, sempre que és convidada para um trabalho, davam-te a hipótese de dizer pessoas com quem gostavas de evitar trabalhar novamente. Quem seria a pessoa que evitarias?», perguntou Rui Maria Pêgo.

«Seria incapaz de fazer isso a um colega. Mas, provavelmente, os meus ex-namorados porque isso iria diminuir a minha capacidade de concentração», terminou.

Texto: Redação WIN – Conteúdos digitais/ Fotos: Redes Sociais

PUB
Top