Quer o Destino: Mateus rapta filha e mantém-na fechada na carrinha

Não perca o que vai acontecer esta quinta-feira, 10 de setembro, na novela Quer o Destino. O vilão consegue finalmente raptar a filha.

10 Set 2020 | 14:10
-A +A

No episódio desta noite de Quer o Destino, na TVI, Machado vê-se obrigado a justificar o que fez e diz a Maria que foi só no início que esteve com Patrícia. A dona do café mente e diz que estiveram sempre juntos, e Maria dá um estalo a Machado e sai em lágrimas.

A cantora entra para a carrinha, limpa as lágrimas, e nesse instante recebe uma chamada do inspetor, mas não atende e segue caminho.

Vitória para de correr, porque acha que Ana precisa de comer e dá-lhe metade de uma sandes. Escondido, Mateus observa as duas a comerem, quando é surpreendido por João, que lhe pergunta o que está ali a fazer.

João grita para Vitória e Ana fugirem e Mateus, frustrado, começa a lutar com o irmão. A enfermeira aproxima-se para perceber o que se passa e, alarmada, regressa para perto de Ana, mas já não a encontra. Ana corre em direção a casa, mas começa a perder as forças e cai de joelhos no chão, vendo tudo desfocado.

Vitória está junto a João, que está a sangrar, e pede para ele se aguentar, porque precisa de descobrir onde está a filha. A enfermeira percorre o caminho que Ana fez e Lucas aparece alertado pelos gritos. Vitória conta-lhe que Ana desapareceu e João acusa Mateus.

Vitória em pânico com rapto de Ana

Ana está inconsciente e é deitada na cama improvisada de Mateus. O Santa Cruz liga a carrinha e acelera a toda a velocidade. Ao mesmo tempo, Lucas fica revoltado com Vitória por terem ido correr, e ela chora.

Na herdade, Madalena desinfeta a ferida de João, quando sente o hálito a álcool. O Santa Cruz conta a discussão que teve com Carlos e diz que não se conseguiu controlar. Madalena avisa-o de que tem de voltar à estaca zero e passar por tudo outra vez.

Lucas está nervoso por Machado ainda não ter chegado. Vitória quer arranjar maneira de recuperar Ana.

Marcos faz uma grande encomenda à PH Natural. Nesse momento, recebe uma chamada de Raquel, que lhe pede para analisar documentos, e este volta a insistir que quer assinar o contrato.

Quando Machado chega à herdade, Lucas conta-lhe o que se passou e João descreve como Mateus estava vestido.  Vitória pede para falar a sós com o inspetor e insiste em ser o isco para Mateus. Machado diz que não a pode colocar em risco e recusa-se a quebrar as normas.

Isabela recorre a Marcos para falar com Mateus. O Santa Cruz liga ao irmão e pede-lhe não fazer mal à sobrinha e Isabela tenta convencê-lo a largar Ana, mas o vilão desliga o telemóvel. Marcos quer entregá-lo à polícia, mas a empregada não deixa e o Santa Cruz dá-lhe o telemóvel e avisa-a de que não se responsabiliza por nada do que aconteça.

Vitória tenta manipular Isabela

Na carrinha, Ana começa a acordar, não se sente segura e quer ir para casa. Mateus oferece-lhe uns brincos e manda-a colocá-los.

Elvira avisa que Isabela não está e que não sabe onde foi. Machado liga para Fonseca e este avisa-o que está a ver a jovem a sair de casa de Marcos. Entretanto, Ana repara numa faca e deixa-se levar na conversa de Mateus.

Carlos vê a carrinha de Maria, encontra-a a chorar e fica preocupado. Maria não quer voltar ao café de Patrícia e pede para ir a casa dele.

Lucas conduz nervoso e João acha que deviam ter aguardado ordens do inspetor, mas Lucas sublinha que não vai parar até encontrar a filha.

Isabela guarda o telemóvel que Marcos lhe deu para falar com Mateus, sai do quarto a compor a farda. Machado observa-a a afastar-se. A seguir, vasculha o quarto todo e fica frustrado por não encontrar nada. Mais tarde, Vitória tenta manipular Isabela e lembra-lhe que ele não se controla com mulheres e que vai acabar por fazer mal à filha.

Machado começa a arrumar as coisas que desarrumou, deixa cair os livros e a bíblia abre-se. Nesse momento, vê o telemóvel que Isabela usa para falar com Mateus, e faz uma chamada para rastrear o número.

Ana está deitada no colchão. Mateus olha-a com amor e faz-lhe uma festa no rosto. A jovem sente nojo, mas disfarça.

Carlos e Maria entram, envolvidos aos beijos, mas não sentem química e param, combinando ser só amigos. Maria acaba por revelar que se apaixonou.

Texto e fotos: Divulgação TVI

PUB
Top