Livre de preconceitos! Quem é o homem que foi de saia à reabertura do Parlamento?

O arranque oficial da nova legislatura ficou marcado pela estreia de três partidos no Parlamento. Um deles é o Livre, cujo assessor da sua deputada surgiu na Assembleia da República de saia.

25 Out 2019 | 18:50
-A +A

Livre, Iniciativa Liberal e Chega. São estas as três novas forças partidárias com representação parlamentar, cada uma com um deputado, na XIV legislatura da Assembleia da República. A primeira sessão aconteceu, na manhã desta sexta-feira, 25 de outubro, e, além da estreia de Joacine Katar Moreira, João Cotrim de Figueiredo e André Ventura nos seus mandatos, ficou marcada por Rafael Esteves Martins.

É ele o assessor da deputada do Livre, que chegou ao Parlamento vestido com uma saia, o que gerou diversas reações nas redes sociais. No Twitter, o humorista Guilherme Duarte, por exemplo, refere-se a Rafael Esteves Martins como «alguém que não tinha calças lavadas e teve de improvisar». «Não sabia que a Joacine tinha amigos em Hogwarts», diz outra utilizadora da mesma rede social, referindo-se à escola de magia que serve de palco para a saga Harry Potter.

«Um minuto de silêncio pela Moda Lisboa e a Moda Porto [Portugal Fashion], que foram derrotados muito rápido pelo colega de Joacine», lê-se ainda, enquanto outro internauta questiona: «O acessor da Joacine é padre?»

 

 

Entretanto, também no Twitter, Rafael Esteves Martins escreveu uma mensagem que está a ser entendida como uma resposta às críticas que lhe são dirigidas. «Pessoal, ‘bora ser e deixar ser? De nada», pede.

Já antes, em resposta a outro membro do Livre, que defende que «a mensagem subliminar» do assessor de Joacine Katar Moreira em usar saia tem que ver com o facto de este querer manter «o Reino Unido e a sua cultura tão rica, interessante e exótica dentro da União Europeia», Rafael Esteves Martins escreveu: «Mas é que foi mesmo». A isto, juntou uma imagem do saco que levou e no qual se pode ler «Yes to Europe» («Sim para a Europa», em tradução literal).

 

 

Mas, afinal, quem é o homem que espoletou tanta controvérsia por usar saia no arranque oficial da nova legislatura, despertando as convenções do hemiciclo? Rafael Esteves Martins nasceu a 4 de fevereiro de 1988 – tem, por isso, 31 anos – e é natural de Lisboa.

No site do partido que ganha agora assento parlamentar, o assessor da nova deputada é descrito como «investigador bolseiro». «Foi militante da JCP [Juventude Comunista Portuguesa, a ala jovem do Partido Comunista Português]; foi dirigente associativo da Escola Secundária Padre Alberto Neto e presidente de três comissões eleitorais da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa; corredator pelo Manifesto por um Futuro Europeu; sócio fundador da Estufa – Plataforma Cultural (Torres Vedras); membro do Grupo de Contacto do LIVRE», acrescenta ainda a força partidária.

Já nas redes sociais, Rafael Esteves Martins retrata-se por outras palavras: «Quero livrar-me de quem me quer libertar». «Tenho cara de miúdo atinado mas devo ter ar de cabra de presépio mal montado», disse, recentemente, num tweet, no mesmo em que escreveu: «O que eu sei é que as testemunhas de Jeová nunca se metem comigo.»

 

 

Texto: Dúlio Silva | Fotografias: reprodução redes sociais

PUB
Top