Recorde todas as POLÉMICAS da mulher do momento!

Depois de um período de afastamento da televisão, Manuela Moura Guedes regressa ao pequeno ecrã pela porta grande. Recorde as polémicas mais importantes da carreira da jornalista.

27 Set 2018 | 21:40
-A +A

Polémica bem podia ser apelido de Manuela Moura Guedes. Afastada da televisão desde 2015, aquando a saída abrupta do programa da RTP3 Barca do Inferno, a jornalista de 62 anos regressa agora à TV pela porta grande.
A SIC anunciou através das redes sociais dos pivôs Clara de Sousa e Rodrigo Guedes de Carvalho a nova comentadora do Jornal da Noite. Nada mais nada menos do que Manuela Moura Guedes que, assim, ocupa o espaço deixado livre por Miguel Sousa Tavares, que agora será rival da jornalista na TVI.

Manela, como é tratada pelos mais próximos, será como sempre foi: aguerrida, incómoda, pertinente e impertinente, sem meias palavras e com a verdade na ponta da língua. Pelo menos é isso que o público que a vê e segue há quase quatro décadas espera dela.

Leia mais: Manuela Moura Guedes VAI PARA A SIC! Saiba em que dia se estreia a polémica jornalista

Colecionadora de polémicas, já foi odiada pelos homens do regime. E o confronto com José Sócrates e o governo que o antigo primeiro-ministro liderava valeu-lhe a suspensão da apresentação do Jornal Nacional da TVI, em 2009. Manela foi acusada de fazer uma perseguição pessoal a José Sócrates que, anos depois, acabaria por ser detido e aguarda julgamento no âmbito da Operação Marquês.

A Prisa, dona da TVI, impediu que a promoção de uma reportagem de investigação sobre José Sócrates fosse emitida.

«Aquilo é um telejornal travestido de perseguição pessoal. É uma caça ao homem», dizia o na altura primeiro-ministro.

Em maio deste ano, em entrevista à SIC Notícias, uma entrevista que, de resto, parecia quase ser uma antecâmara ou um teste, Manuela Moura Guedes falava sobre esse período. A jornalista acabaria por rescindir com a TVI em 2010, depois de vários meses de baixa médica.

Um reclame que deu que falar

 

Há 20 anos, Manuela Moura Guedes foi fortemente criticada por ter feito um anúncio a um detergente de roupa. Na altura, não estava a trabalhar mas, ainda assim, esta publicidade foi arrasada por ser uma atividade incompatível com o exercício da profissão de jornalista.

Veja ainda: Manuela Moura Guedes fala sobre José Socrates

Em entrevista à Sábado, em 2016, Moura Guedes disse que desvalorizou por completo essas críticas. «Estive-me completamente nas tintas. Ganhei muito, muito dinheiro», explicou a jornalista, acrescentando ainda que o valor arrecadado deu para estar «quatro anos sem fazer nada».

Veja o anúncio

Manuela Moura Guedes foi cantora. Apresentadora. Foi deputada independente pelo CDS-PP entre 1995 e 1996. Depois de uma travessia no deserto, após a saída da TVI, volta ao entretenimento em 2013, na RTP, a estação onde começou a sua carreira televisiva. Apresentou o concurso Quem Quer Ser Milionário? e, em 2015, junta-se ao elenco do programa de comentário Barca do Inferno. A sua participação no formato conduzido por Nilton foi sol de pouca dura.

Numa discussão mais acesa com a deputada Isabel Moreira, do PS, Moura Guedes decidiu que não ia continuar ali.

«Neste preciso momento abandono o programa. Já chega.»

Desde então, a jornalista tem estado afastada do pequeno ecrã, tendo feito uma colaboração com a revista Saúda, da Associação Nacional de Farmácias.
A partir de 8 de outubro, no Jornal da Noite, a jornalista mais polémica de Portugal vai voltar a colocar os pontos nos ‘i’. Sem medos.

Fotos: Arquivo Impala e Redes Sociais

PUB
Top