Rodrigo Guedes de Carvalho prende 2 milhões à SIC. Canais de notícias batem recordes

O principal noticiário da SIC teve o melhor resultado em quatro anos e canais informativos superaram os seus máximos. A CMTV chegou a liderar entre todas as estações de televisão.

19 Mar 2020 | 18:50
-A +A

Esta quarta-feira, 18 de março, foi dia de recordes na televisão portuguesa. O mais expressivo aconteceu em pleno horário nobre, quando o Jornal da Noite, da SIC, conseguiu superar, entre as 20h43 e as 20h48, a fasquia dos dois milhões de telespectadores (raro no nosso país em programas que não sejam a transmissão de jogos de futebol).

À frente do noticiário estava Rodrigo Guedes de Carvalho, que tem sido elogiado, nomeadamente pelo primeiro-ministro, António Costa, pela forma como comunica as notícias relativas à propagação do novo coronavírus em Portugal. Em média, o pivô registou 28,8% de share e segurou à antena da SIC 1 milhão e 716 mil e 900 telespectadores, o que faz deste o melhor resultado do Jornal da Noite desde 2016, quando as audiências geradas pelo consumo de televisão em diferido em Portugal passaram a ser divulgadas ao mercado. Voltou a ser o programa mais visto do dia.

Na vice-liderança, também a ultrapassar o seu recorde de audiência, ficou o Telejornal. Conduzido nesta edição por João Adelino Faria, o noticiário fidelizou à antena da RTP1 cerca de 1,2 milhões de espectadores, a que corresponde uma quota de mercado de 21%. Ficou em terceiro lugar na tabela dos programas com mais audiência do dia em que o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou ao país que Portugal ia entrar em estado de emergência, um decreto anunciado como consequência da pandemia da Covid-19.

Em oitavo nessa mesma lista ficou o Jornal das 8, apresentado por José Alberto Carvalho na TVI. O principal bloco informativo não foi além dos pouco mais de 900 mil espectadores e 16,5% de share.

 

CMTV ultrapassa canais em sinal aberto

 

Mas os recordes não se ficaram por aqui. Apenas disponível em televisão por subscrição, a CMTV alcançou neste mesmo dia o melhor resultado de sempre na sua história. Dois dias depois de ter completado sete anos de emissões, o canal generalista com pendor informativo encerrou a quarta-feira com um share médio de 7,1% e conseguiu um feito de notar: entre as 15h45 e as 16h50, o programa Notícias CM foi não só líder no cabo como em toda a televisão, ultrapassando RTP1, SIC e TVI.

Também a SIC Notícias registou um novo máximo em 19 anos de emissões: 5,3% de quota de mercado. Igual feito conseguiu a RTP3, com 3% de share. A TVI24 ficou colada, com 2,9%.

Quanto às generalistas, a SIC voltou a ser o canal preferido dos portugueses, com uma quota de mercado de 19,8%. A RTP1 ocupa o segundo lugar, com 13%, e a TVI o terceiro, com 12%.

 

VEJA TAMBÉM:
Covid-19: Manuel Melo «em pânico e constante preocupação» com avó
Quase 20 famosos infetados com Covid-19. Veja quem são!

 

Texto: Dúlio Silva; Fotografias: D.R.

PUB
Top