Ruben Rua ainda não conhece o patrão da TVI mas está pronto para ir à luta!

Em declarações à TV 7 Dias, Ruben Rua confessa que ainda não conhece Nuno Santos, o novo diretor de programas da TVI, e mostra-se confiante com o futuro do canal televisivo.

31 Jan 2020 | 20:10
-A +A

Ruben Rua esteve presente na Gala E! Entertainment, que aconteceu esta quinta-feira, dia 30 de janeiro, no Museu da Eletricidade, em Belém, Lisboa. O modelo revelou à TV 7 Dias que ainda não conhece Nuno Santos, o novo diretor de programas da TVI que assumiu esse cargo no dia 13 de janeiro de 2020.

«Ainda não me encontrei com ele. É uma pessoa que não conheço», começa por dizer. Apesar de ainda não saber os planos que lhe reservam para na TVI, Ruben espera manter-se no canal: «vou ter uma reunião na próxima semana com a nova direção e vou perceber o quê que me espera no futuro próximo». 

«Acredito que a estabilidade voltou»

«A TVI no último ano teve grandes mudanças. É a terceira direção que chega no espaço de um ano mas honestamente, do pouco que é permitido saber ou pelas minhas conclusões, acredito que a estabilidade voltou e com trabalho, esforço, dedicação, os resultados podem melhorar, vamos à luta!», refere.

Sobre o grande enigma de quem será o apresentador de Big Brother 2020, Ruben garante que também não tem qualquer informação sobre este assunto: «na verdade acho que ninguém sabe e se sabe pelo menos não é uma situação pública». Depois de ter apresentado duas edições de Like Me, juntamente com Luana Piovani, o homem 32 anos não esconde que gostaria da hipótese de apresentar este reality show: «eu acho que a maioria dos apresentadores televisivos gostaria de apresentar um formato tão fantástico e tão historicamente marcante como o Big Brother. Mudou o panorama televisivo há 20 anos. Seria mentiroso se dissesse que não. A resposta é sim!»

No entanto, Ruben tem noção de que ainda é «um jovem apresentador». «Comecei a fazer televisão há quatro anos, tive algumas oportunidades. Tenho também de perceber qual é o meu lugar, assumir o meu lugar, ter paciência e humildade para perceber qual é o meu lugar e perceber qual é o meu futuro. Podem acontecer muitas coisas, algumas coisas ou coisa nenhuma. Não depende de mim só. A mim cabe-me trabalhar», acrescenta.

O nortenho acredita que o Big Brother 2020 vai dar um novo impulso à TVI, ainda que «não seja suficiente» para «inverter as audiências». «Ainda que seja líder no seu horário, acho que isso não é suficiente para que haja uma mudança total (…) Pode ajudar e ser um passo importante para essa mudança, disso não tenho a mínima dúvida». 

BB 2020 foi adiado e a TV 7 Dias sabe porquê. Leia, na edição em banca, o que levou o novo diretor de programas a tomar tal decisão.

Coração ocupado

Ruben Rua confessa que «nunca» está «de férias». Para além dos trabalhos na área da moda e publicidade, Ruben tem apresentado, nem que seja uma vez por mês, o programa Somos Portugal. «Os próximos meses veremos!», diz.

Já no campo amoroso, existem muitas mais certezas. Entre risos, Ruben refere que o seu coração «está ocupado e feliz», ao lado de Amanda Amorim. Assume-se como um «clássico romântico» e espera que o Dia dos Namorados seja exatamente igual ao seu coração: «ocupado».

Texto: Inês Borges e Ivan Silva/ Fotos: Zito Colaço

 

Veja também:
EXCLUSIVO! Descobrimos a nova casa do Big Brother 2020! Seja o primeiro a entrar
Ruben Rua fala de Cristina Ferreira e revela: «Não têm sido tempos fáceis para a TVI»

PUB
Top