Salvador Sobral confessa paixão por Carolina Deslandes

Salvador Sobral revelou já ter sido apaixonado pela cantora, mas não era correspondido e sofreu um desgosto de amor. “Lembro-me de chorar no quarto da minha mãe”.

31 Mai 2021 | 16:00
-A +A

Salvador Sobral já foi apaixonado por Carolina Deslandes e sofreu um desgosto de amor com a cantora. A história foi contada pelo próprio no podcast “Reset”, de Mariana Cabral, mais conhecido por Bumba na Fofinha.

O cantor, de 31 anos, e a humorista conversavam sobre desgostos de amor quando este afirmou que, ao longo da vida, teve vários. Incentivado pela anfitriã do podcast a partilhar mais histórias deste género, acabou por confessar que esteve apaixonado por Carolina Deslandes, mas que foi um amor não correspondido. “Nós andávamos na mesma escola […]. Apanhávamos os dois o [autocarro] 27 e subíamos a rua toda a até o liceu”, começou por contar o intérprete do tema “Amar Pelos Dois” que venceu, em 2017, o Festival Eurovisão da Canção.

“Eu estava num liceu de betos, eu próprio incluído, e ela, de repente, pareceu uma míuda diferente. Ela parecia-me também uma BEN. É o meu termo para ‘Betos Em Negação’. Achava aquilo curioso. Ela adorava música. Eu disse: ‘ah, é uma míuda diferente’. Então, claro, apaixonei-me logo de sofrimento“, recordou, revelando depois o que o levou a sofrer: “Ela falava-me muito do ex-namorado, mas era ex… […]. Há um dia em ela diz: ‘Salvador, temos de nos ver, porque eu tenho uma coisa para te contar’. Fui ter com ela e ela diz-me: ‘Estou tão feliz, voltei com o meu ex-namorado’. Ainda por cima era um domingo. Estava a chover. Parecia que foi de propósito…“.

Salvador Sobral contou ainda que, a seguir, foi para casa e que contou tudo à mãe. “Lembro-me de chorar, chorar no quarto da minha mãe e de estar a chover”, recordou ainda entre risos.

Salvador Sobral confessou os seus sentimentos

Bumba na Fofinha ficou curiosa quanto ao desfecho da história e quis saber se Salvador Sobral chegou algum dia a contar o que sentia a Carolina Deslandes. “Acho que sim. A minha mãe disse-me: ‘acho que lhe devias dizer’. Lembro-me de lhe enviar uma mensagem de texto enorme em que eu dizia: ‘fogo, como é que não viste?‘, disse Salvador, admitindo que a progenitora era a sua grande confidente sobre as suas inquietações amorosas.

O cantor partilhou ainda que, mais tarde, falou sobre o assunto com Carolina Deslandes e que a artista não teve a percepção de que o cantor estava apaixonado por ela na altura. “Eu já conversei com ela. Ela diz que não foi bem assim, mas a minha percepção é esta. Depois não sei se com o tempo fui mudando”, afirmou.

Texto: Alexandre Oliveira Vaz; Fotos: Redes Sociais e Arquivo Impala

PUB
Top