Sangue Oculto: Júlia, Carolina e Benedita conseguem libertar-se

Esta noite, em Sangue Oculto, SIC, Teresa e Olavo tentam, em desespero, abrir a tampa do caixão, mas não conseguem. A mãe das trigémeas começa a ponderar que talvez não consigam sair dali.

05 Out 2023 | 16:50
-A +A

Esta noite, em Sangue Oculto, SIC, Teresa e Olavo tentam, em desespero, abrir a tampa do caixão, mas não conseguem. A mãe das trigémeas começa a ponderar que talvez não consigam sair dali e diz que só pensa nas filhas. De repente, Teresa diz que não vão desistir e que vão sair dali para irem ajudar Carolina, Benedita e Júlia, estejam elas onde estiverem.

Leia ainda: Maria sobrevive ao ataque de Sara

Nelson e o colega continuam a pesquisar na internet pela correspondência do símbolo das botas dos homens que levaram as trigémeas. Finalmente, descobrem que se trata da empresa que há uns tempos andou nas notícias por fazerem experiências genéticas em humanos. Todos ficam preocupados. O colega de Nelson diz que eles têm um laboratório em Portugal e o polícia diz que vai lá. Carolina, Benedita e Júlia continuam presas nas camas. Junto a elas estão o médico e o guarda. As três olham-se e assentem, sabendo o que fazer. A DJ começa a fingir que está com falta de ar e Benedita pede ajuda, dizendo que é médica e pedindo para a libertarem. Enquanto o médico a observa, Júlia consegue roubar-lhe o cartão de acesso do bolso. Depois a gémea empurra-o na direção de Carolina, que consegue roubar-lhe as chaves das algemas. Júlia diz que apenas se engasgou e está bem e eles afastam-se. As três sorriem, satisfeitas com o plano.

Tiago, Nelson, Pedro e outro PJ chegam ao laboratório

Tojó está muito entusiasmado a relembrar o que acabaram de viver e só passado uns instantes repara que Henrique está a arrumar as coisas para se ir embora. O segurança diz que não tem de ir, se ele tiver alguma coisa para lhe dizer, mas o faz-tudo hesita, sem coragem, e pergunta para onde é que ele vai. O ex-namorado de Rosa diz que vai passar a noite numa tenda e depois vai para Marrocos. Tojó fica a vê-lo ir, muito abatido. Tiago, Nelson, Pedro e outro PJ chegam ao laboratório. O dono do bar começa a dizer que nem que tenham de partir aquilo tudo, não saem dali sem as gémeas. O primo pede-lhe calma, mas Tiago não quer saber e diz que estão ali Benedita, Carolina e Júlia, por isso, não as podem deixar mal. Nelson diz que têm de esperar pelo mandado do tribunal e o primo desespera.

O médico está a recolher sangue das gémeas e depois sai. Carolina aproveita o facto de estarem sozinhas para se libertar das algemas e atira as chaves a Benedita. A gémea levanta-se e diz que têm de ser rápidas. Benedita tenta soltar Júlia, com dificuldade. Carolina vai ter com elas e consegue abrir as algemas. Carolina e Benedita amparam a irmã, para saírem dali. Vanda está a acabar de fazer um procedimento quando o médico entra, nervoso, e lhe diz que as trigémeas fugiram. A vilã sai do gabinete a correr, furiosa.

Recorde o episódio anterior de Sangue Oculto

O resumo do episódio está sujeito a mudanças em função da edição da novela.

Texto e fotos: SIC
PUB