Sara Norte muda de vida e torna-se auxiliar de educação: “tenho estado rodeada de amor”

Enquanto novas oportunidades no mundo da representação não surgem, Sara Norte encontrou na assistência operacional uma forma de subsistência e ocupar o seu tempo.

04 Nov 2020 | 16:00
-A +A

Afastada da representação devido à situação pandémica que o mundo atravessa, Sara Norte admite que o novo coronavirus lhe “trocou as voltas” e teve, por isso, de encontrar uma nova atividade profissional. “O vírus tal como a muitas pessoas também me trocou as voltas a nível profissional e, apesar de ter estado a gravar em agosto, outros trabalhos foram adiados”, explica a filha do ator Vítor Norte, acrescentando ainda que o trabalho sempre foi, para ela, “terapêutico”.  Foi, por isso, “à procura de um trabalho” fora da sua área.

Foi enquanto “assistente operacional numa escola básica” que Sara Norte encontrou novas oportunidades. “Assisto uma turma da Pré (meninos com quatro/cinco anos) e a verdade é que me tem feito muito bem. Aliás, acho extremamente importante sair da ‘redoma de vidro’ (tanto a nível pessoal, como para a minha profissão de atriz) para conhecermos pessoas novas, novas realidades e darmos valor ao que realmente interessa”, confidenciou a intérprete esta terça-feira, 3 de novembro, nas redes sociais. “Tenho estado rodeada de amor destas meninas e meninos e das minhas colegas que me receberam de forma extraordinária”, contou.

“Continuo a ser uma mulher de esperança”

 

Sara Norte não esquece a profissão que a apaixona e pretende voltar à profissão, mas admite que é necessário adaptar-se “às voltas que a vida dá”. “Uma coisa que aprendi é que não vale a pena fazer planos a longo prazo”, confidenciou. “E claro, continuo a ser uma mulher de esperança e fé e eu sei que as coisas mais tarde ou mais cedo vão-se endireitar. Até lá vou continuar a ser feliz aqui“, rematou

Recorde-se que Sara Norte integra a segunda temporada da novela “Golpe de Sorte”, na SIC, atualmente em exibição no canal.

Sara Norte e a difícil perda da irmã

 

Na mesma publicação, Sara Norte também fez referência à irmã, Beatriz, de 14 anos, que perdeu a vida no passado dia 17 de agosto, vítima de leucemia. “Há cerca de dois meses e meio o meu Mundo desabou e eu que sempre me considerei uma mulher forte, senti que não iria conseguir ultrapassar esta dor e recuperar a vontade e a força de viver”. Para a atriz, a dor “continua”, mas tem consciência que vai “ter de aprender a viver com ela”. A intérprete revelou que precisou de retomar as rotinas a “pouco e pouco” e viu na assistência operacional uma forma de “ocupar” o seu tempo. “Precisava de voltar a sentir-me útil”, escreveu.

Esta não é a primeira perda de um membro da família para a atriz. Carla Lupi, mãe de Sara Norte (e Beatriz), morreu no dia 31 de julho de 2012, na sequência de uma intensa luta contra um cancro do pulmão.

Texto: Alexandre Oliveira Vaz Fotos: Reprodução Redes Sociais
Leia também:
Sara Norte recorda irmã dois meses após a morte: “Tenho tantas saudades tuas”

 

PUB
Top