Saúde do pai de Joana Amaral Dias deu origem a processo crime contra madrasta

Susana Quintas está a ser acusada de ofensa à integridade física grave por factos que remontam a 2018. Pai estava de costas voltadas com Joana Amaral Dias quando faleceu.

13 Out 2023 | 10:00
-A +A

Está a decorrer, no Juízo Central Tribunal de Lisboa, um processo judicial contra Susana Quintas, madrasta de Joana Amaral Dias, que está a ser acusada de ofensa à integridade física grave contra Carlos Amaral Dias, o pai da comentadora da TVI.

Leia ainda: Irmão de Francisco Monteiro revela que concorrente tem ciúmes do seu sucesso e fala da relação frágil com o pai

Os factos que estão em causa nesta ação decorreram entre finais de 2017 e início de 2018. Durante este período, o psicanalista sofreu vários internamentos sendo que, no último, foi-lhe detetado um índice elevado de benzodiazepinas no sangue. Este internamento deveu-se ao facto de Carlos Amaral Dias se encontrar prostrado, com a fala arrastada e sonolento. Confrontados com esta informação, os três filhos mais velhos, Joana, Henrique e Leonor Amaral Dias decidiram apresentar queixa contra desconhecidos, tal como Susana Quintas também o fez. Após a investigação, o Ministério Público avançou com uma acusação contra a viúva do psicanalista. Na edição da TV 7 Dias que chega agora às bancas, explicamos-lhe ainda por que motivo é que Joana Amaral Dias e Carlos Amaral Dias estiveram de costas voltadas.

TV7DIAS 1909

Outros destaques desta edição da TV 7 Dias

Irmão de Francisco Monteiro revela que concorrente tem ciúmes do seu sucesso e fala da relação frágil com o pai
Luciana Abreu põe o dedo na ferida: “Pedem-me comida no camião”
João Baião garante: “Já não quero ser pai”
Luís Santos de Casados no Paraíso: “Jamais voltava a entrar”
Io Appolloni viu o seu carro penhorado

Tudo isto e muito mais na sua TV 7 Dias, já nas bancas

É visto como o motor do programa por estar em todas as frentes. Seja na casa, no anexo ou no jardim, o assunto é quase sempre o mesmo: Francisco Monteiro. O concorrente do Big Brother não se esconde de nenhum confronto e, na realidade, todos os que lhe têm feito frente têm vindo a ser expulsos da casa mais vigiada do País.

Leia ainda: Ljubomir Stanisic faz revelações sobre Hell’s Kitchen com famosos: “Foi um inferno para todos”

Contudo, por detrás daquela capa de durão e confrontador existe uma pessoa que esconde um fundo repleto de fragilidades. Em entrevista exclusiva à TV 7 Dias, o irmão do concorrente conta que o nortenho sente ciúmes do seu sucesso no ténis e explica porque é que se considerava a ovelha negra da família. “Acabou por autointitular-se de ovelha negra porque não tinha a atenção no desporto, era eu que tinha”, diz João Monteiro, que nos explica ainda que defende que o irmão devia fazer algum tipo de terapia alternativa para controlar o temperamento. João e Francisco, que são unha e carne desde tenra idade, estiveram com a relação beliscada e o motivo foi só um: Mulheres. E ainda, família de Francisco Monteiro não concordou com a sua entrada no Big Brother. Leia a entrevista completa na edição da TV 7 Dias que chega agora às bancas.

Textos: Carla Ventura (carla.ventura@impala.pt)
Fotos: Arquivo Impala
PUB