Se a SIC convidasse, Cláudio Ramos saía da TVI? O apresentador responde sem hesitar

Cláudio Ramos respondeu, sem hesitar, às questões colocadas por Joana Alvarenga na rubrica “Verdade ou Consequência”. Apresentador revela se voltava ou não para a SIC.

02 Mai 2021 | 21:00
-A +A

Cláudio Ramos foi convidado de Joana Alvarenga, na rubrica “Verdade ou Consequência” do canal de Youtube da atriz. O apresentador das manhãs da TVI foi confrontado com uma questão referente a um possível regresso à SIC.

“Há cerca de um ano foste para a TVI. Imagina agora que a SIC dizia assim: Queremos o Cláudio outra vez, como foi com a Cristina [Ferreira], e oferecia-te assim algo chorudito. Voltavas?”, perguntou Joana Alvarenga.

Cláudio Ramos não hesitou. “Agora não, as coisas são feitas de tempos. É preciso criar um caminho. Saí da SIC porque eu queria outra coisa que na altura a SIC não me podia dar. Saí porque a estação [TVI] me oferecia aquilo que eu queria. Seria muito ingrato de repente bater com a porta e sair”, disse.

“As coisas têm um processo, um caminho. Mantenho-me ali até perceber que não tenho mais para crescer”, acrescentou ainda.

“O dinheiro não é tudo…”, completou Joana Alvarenga. “Não. Quando mudei só ouvi dinheiro depois de ouvir a proposta. Se me oferecessem três vezes mais para fazer a mesma coisa não tinha ido”, afirmou.

Quem é, para Cláudio Ramos, o melhor apresentador masculino?

Joana Alvarenga quis saber a opinião de Cláudio Ramos e confrontou-o com mais uma questão. “Quem é para ti o pior comunicador/apresentador da televisão?”

Cláudio Ramos não soube responder e inverteu a pergunta. “Não sei, juro que não sei. O que me chateia na apresentação é que principalmente todas as mulheres seguem um padrão. Todas querem ser uma determinada pessoa. Os homens é menos. O Manel [Luís Goucha] é o suprassumo do daytime masculino. A seguir ao Manel, sob o meu ponto de vista, eu sou o melhor apresentador de daytime masculino”, rematou.

Texto: Joana Dantas Rebelo, Fotos: redes sociais
Leia também:
“É graças a programas como este que resolvemos vidas”: Cláudio Ramos responde a críticos

 

PUB
Top