Sem papas na língua, Blaya afirma: «sou uma mãe F***»

Blaya não tem papas na língua. A cantora fala abertamente sobre a maternidade e o trabalho e é considerada uma fonte de inspiração para outras mulheres.

11 Jan 2019 | 15:00
Blaya
-A +A

Blaya já mostrou que não tem problemas em defender publicamente aquilo em que acredita. Depois do hino que criou em defesa das mulheres que sofrem de assédio sexual, a cantora manifesta-se sobre a maternidade.

«Eu sou uma mãe F***. Quando uma mulher tem o seu rebento, para além de nascer o ser mais lindo do mundo, também nasce uma força interior que nos faz ser e fazer tudo o que quisermos e tudo o que estiver ao nosso alcance. Não interessa se passou apenas um dia depois de parir, mas a verdade é que se temos um objetivo, vamos conseguir realizá-lo de qualquer maneira», começa por escrever.

No decorrer do texto, a artista acaba por revelar que poucos dias depois de ter sido mãe deu o seu primeiro espetáculo, ainda com os pontos. «10 dias depois de parir, comecei os meus treinos para um show no sudoeste chamado Electra (segundo nome da minha filha). 15 dias depois, já estava em cima do palco a fazer o show, durante quatro dias seguidos e digo-vos uma coisa… no primeiro show ainda tinha os pontos», continua.

Leia mais: Blaya REVELA novidade que CONTA em LÍNGUA GESTUAL!

 

Apesar das críticas de que «é muito cedo», a cantora revela que encontrou na maternidade toda a força que necessitava e que o facto de regressar ao trabalho, não fez com que se afastasse da filha. «Se vocês estão felizes, eles vão ficar felizes. Há mães que ficam em casa… palmas para vocês. Há mães que começam a trabalhar logo… palmas para vocês. Há mães que ainda se estão a adaptar à palavra e às ações de mãe… palmas para vocês», termina.

Recorde-se que a bebé, de um ano, é fruto da relação da cantora com Pedro Russo.

Texto: Redação WIN/Conteúdos Digitais; Fotos: Reprodução Instagram 

 

PUB
Top