Sónia Tavares desabafa sobre o filho, Fausto: “Às vezes chocamos e parecemos dois irmãos”

A cantora foi a convidada de Manuel Luís Goucha no programa “Conta-me”, da TVI, e fez revelações sobre a bsua vida privada. Saiba tudo sobre Sónia Tavares.

23 Jan 2021 | 21:00
-A +A

Sónia Tavares foi a convidada de Manuel Luís Goucha no “Conta-me”, da TVI, deste sábado, 23 de janeiro.

A conversa decorreu em Alcobaça, terra natal da cantora, mais precisamente na casa onde a vocalista dos The Gift, há três anos, casou com Fernando Ribeiro.

Entre vários temas da sua vida, falou sobre a doença da mãe, que sofre de demência. Depois de um pedido de casamento no sofá, os dois de pijama, Sónia e Fernando decidiram fazer uma cerimónia pelo civil pequena, apenas para amigos e familiares próximos. “Ele é um príncipe, uma pessoa encantadora, um gentleman… no meu ver é o melhor homem do mundo”, afirma com um brilho nos olhos, contando que os dois se apaixonaram no projeto Amália Hoje. “A Amália foi a nossa madrinha sem saber”.

Sónia Tavares sobre relação abusiva: “Estive num coma profundo”

Hoje, a cantora sabe o que é amar de verdade. Mas nem sempre foi assim. Durante a conversa com Goucha, assumiu que viveu uma relação abusiva com um ex-namorado, numa altura em que já “tinha idade para ter juízo”.

“Não havia agressão física, mas havia muita agressão psicológica“, revelou. Levou três anos para conseguir seguir o seu caminho. Algo que fez quando os amigos a começaram a abandonar. “Estive num coma profundo. Eu não reagia ao que se estava a passar”. Quando o namoro, finalmente, chegou ao fim, “estava sozinha com duas gatas”. Os pais nunca souberam de nada.

“Como é que esta mulher se deixa manipular?”, questionou o apresentador. “Eu nunca tinha percebido que podia haver amor como este que vivo hoje”, remata. E é o respeito pelo próximo e pelas mulheres que Sónia Tavares quer passar ao filho, Fausto, de oito anos.

Fausto, filho da cantora, detesta a escola

“Ele tem uma personalidade muito forte, mais orgulhoso, como eu. Às vezes chocamos e parecemos dois irmãos. O Fernando diz-me que me ponho, muitas vezes, à altura dele”, conta entre gargalhadas a dizer que não se importa. Sobre Fausto adianta ainda que é um menino bom, “que detesta a escola. A melhor coisa que lhe aconteceu foi a telescola“.

Quando crescer quer ser cientista para criar uma máquina e ajudar a mãe nas tarefas domésticas. “Às vezes vê-me um bocadinho em baixo por causa da fibromialgia”. A intérprete de Perfeito Coração sabe que terá de viver com esta condição para sempre. “É difícil para mim, mas, sobretudo, para quem vive comigo. O Fernando muitas vezes sente-se impotente. Há dias que tenho muitas dores e um cansaço que parece que andei a correr a maratona. É uma doença que não combina nada comigo”.

“Aquela pessoa não é a minha mãe, é outra pessoa”

Filha única, Sónia, de 43 anos, admite que sempre foi a menina do papá, mas teve muitas mulheres importantes na sua vida. A avó, a tia e a mãe que está com demência e já não a conhece. “Aquela pessoa não é a minha mãe, é outra pessoa. Como é que a minha mãe não se lembra de mim? Ensinou-me a maquilhar, aquelas coisas de miúda… e não se lembra de mim. É complicado”.

“Estás a perdê-la?”, pergunta Goucha. “Já perdi”, garante a cantora, adiantando que sai sempre destroçada da instituição onde a mãe está internada. “Se eu não for lá, está sozinha, não tem ninguém. Isso assusta-me muito”, sublinha. “Assusta-me que um dia o meu filho não tenha amor suficiente para querer cuidar de mim”, remata.

Texto: Carla S. Rodrigues; Fotos: Reprodução

Leia também:

 

PUB
Top