Teatro: Aos 76 anos, Joel Branco vê-se obrigado a pedir trabalho na Internet

Joel Branco tem 76 anos e é “ator profissional há 58”. Joel Branco viu-se obrigado a recorrer às redes sociais para fazer um sentido apelo

01 Set 2021 | 9:05
-A +A

Joel Branco está sem trabalho. O ator, que ao longo dos últimos anos fez apenas pequenas participações nas novelas da SIC “Nazaré” ou “Amor Amor”, não aguenta mais estar sem representar e quer voltar aos palcos.

Foi no Facebook que Joel Branco fez um pedido: “Tenho 76 anos e sou ator profissional nos últimos 58. Seria muito agradável se, por um feliz acaso, voltasse ao teatro. Vou de certo morrer feliz. Viva o Teatro!”, escreveu.

A publicação feita pelo ator mereceu comentários de figuras bem conhecidas do públivo. “Quero ver-te no teatro ou na televisão… Estão à espera de quê? Temos direito a estar vivos e a trabalhar… Os novos e sem rugas… Também vão envelhecer… Será que serão capazes de envelhecer? Sem esticadinhas ou sem falsos prantos?”, comentou Simone de Oliveira.

“Tens que voltar ao teu mundo. Quero estar na plateia a aplaudir-te”, escreveu Júlio Isidro. “Espero bem que corra tudo como desejas. Tu mereces!”, reagiu Helena Isabel. “Abraço, grande Joel”, respondeu Manuel Cavaco. “E claro que isso vai acontecer”, vaticinou Vítor Emanuel.

“Não têm um raio de um papel para mim?” Filomena Queiroz implora por trabalho

“Estou a morrer por dentro de tantas saudades de trabalhar”. O desabafo é de Florbela Queiroz, que voltou a usar as redes sociais para manifestar a sua vontade de trabalhar, no passado mês de fevereiro. “Já não tenho posição. Sento-me, levanto-me e ando nisto. As saudades dão cabo de mim! Só me resta mesmo a fé!”, completou.

A atriz está afastada do mundo da ficção há vários anos e já chegou a pedir ajuda a responsáveis como Daniel Oliveira e Cristina Ferreira, Diretor de Programas da SIC e Diretora de Entretenimento e Ficção da TVI, respetivamente. “Ó senhores das televisões com tantas novelas e séries. Não têm um raio de um papel para mim? Estou farta de estar sem fazer nada! Bolas!”, escreveu Florbela Queiroz.

Leia mais aqui.

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Reprodução e Arquivo Impala

PUB