“Tenho trabalhado muitas horas sozinha”: Fátima Lopes regressa à TVI e faz revelações

Fátima Lopes esteve na TVI para conversar com Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz. A apresentadora revelou a conversa emotiva que teve com a filha, Beatriz, antes de tomar a decisão da sua vida.

24 Mai 2021 | 16:40
-A +A

Fátima Lopes regressou à TVI nesta segunda-feira, 24 de maio, para apresentar o seu novo livro “Encontrei o Amor Onde Menos Esperava”, na emissão de “Dois às 10”. À conversa com Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz, a apresentadora “abriu o coração” para falar sobre a sua decisão de deixar a estação de Queluz de Baixo.

“Não vale a pena ignorar o elefante na sala”, começou por dizer Cláudio Ramos, para depois questionar Fátima Lopes sobre como foi tomar a decisão de deixar a TVI, depois de 11 anos a “tomar conta” das tardes do canal. A comunicadora confessou que não foi uma escolha fácil, mas que foi uma conversa com a filha Beatriz, de 21 anos, que lhe deu a certeza de que seria o caminho que deveria seguir.

“Sou uma pessoa muito cautelosa, não dou um passo que não seja muito bem pensado. A primeira coisa que pensei foi nos meus filhos. Estão a crescer, mas o meu filho tem 12 anos, ainda precisa de muito apoio. Mas depois achei que não podia ficar para trás nesta escolha também. A minha filha Beatriz teve um papel muito importante neste meu caminho. Tem 21 anos e ela disse-me: ‘Mãe, tu não estás feliz, vê-se que não estás feliz. Vê-se que estás cansada e que precisas de mudar. E tu consegues fazer outras coisas. Consegues fazer tanta coisa bem’”, começou por contar.

“Se for preciso, reestruturamos a vida toda”

E continuou: “Depois ela tocou com o dedo na ferida e disse: ‘Olha mãe, termos esta vida boa que nós temos à custa da tua infelicidade não vale. Se for preciso, reestruturamos a vida toda. Não há férias, não há idas a restaurantes e nós vivemos na mesma, mãe. Se for preciso, eu ajudo o mano a perceber isto tudo’. Mas não foi preciso, ele percebeu e os meus filhos não me pedem nada!”

Fátima Lopes assume-se uma mãe orgulhosa dos filhos e admitiu à dupla das manhãs da TVI que a conversa que teve com a filha mais velha sobre a sua saída da TVI a fez ter a certeza que fez “as coisas certas” enquanto mãe.

“Não fiz tudo certo, nós pais nunca fazemos tudo certo, erramos muitas vezes. Mas nessa altura lembro-me de pensar que lhe passei os valores importantes. Ela vê-me. Às vezes, as pessoas estão na mesma casa mas não se veem e não se sentem. E quando entro em casa, se for um dia menos bom, eles perguntam-me ‘o que tens hoje’? Eles aprenderam a ler-me e eu a eles”, disse.

Fátima Lopes tem dado cursos online desde que saiu da TVI

Questionada sobre aquilo que tem feito desde que saiu da TVI, Fátima Lopes contou que entre a escrita do novo livro e o programa ‘Ó Chefe’ com o chef Vítor Sobral, tem-se dedicado a dar palestras e cursos. “O meu sonho de criança era ser professora. (…) Fui aceitando os convites que recebi das faculdades e das empresas para dar formação de comunicação e sozinha, em casa, atrás de um computador, com um holofote à minha frente para me iluminar e para estar com boa cara, tenho trabalhado muitas horas sozinha naquele escritório. Foi bom perceber que eu conseguia”, explicou.

“Às vezes temos de provar a nós próprias que conseguimos. Trabalhei toda a vida rodeada de muitas pessoas, e de repente era eu e eu. Com ajuda das pessoas que trabalham comigo (…), mas fisicamente estava sozinha, era eu, só eu. É diferente, mas não é mau. Quando trabalhas muitos anos no meio de tanta agitação, tens de perceber como é que funcionas quando não tiveres isso”, acrescentou.

“Estou a fazer o meu caminho, não é melhor nem pior do que os outros, as minhas ações batem com as minhas palavras, eu sou uma pessoa com energias boas, não faço mal a ninguém”, rematou a apresentadora.

Texto: Mafalda Mourão; Fotos: D.R.
Leia também:
“Sou um menino feliz”: Fátima Lopes emociona-se com surpresa do filho

PUB
Top