Todos os finais de Quer o Destino: Lucas e Vitória casam e outros casais encontram o amor

Quer o Destino, da TVI, está a chegar ao fim e a TV 7 Dias revela-lhe a emoção das últimas cenas. Depois da morte de Mateus e da prisão de Marcos, o amor e a paz regressam à herdade.

16 Out 2020 | 21:40
-A +A

Quer o Destino, da TVI, está quase a chegar ao fim e a TV 7 Dias revela-lhe já todo o final da novela que apaixonou milhares de telespetadores. E as últimas cenas, que incluem o casamento de Lucas e Vitória, são mesmo carregadas de emoção!

Na herdade, Vitória veste-se de noiva. Ana está ao seu lado e a enfermeira não esconde a felicidade por ir casar com a pessoa que ama, na presença da filha. As duas abraçam-se emocionadas. Num outro quarto, João ajeita a gravata de Lucas. O mais novo dos Santa Cruz agradece-lhe por tudo e dá-lhe um abraço sentido.

Enquanto isto, Alfredo, que se tornou mordomo, dá ordens aos empregados de catering. Começa a achar que a mesa tem muitos talheres e manda tirar alguns para terem mais espaço, mas os empregados ignoram-no. Na cozinha, Joana e Patrícia terminam de preparar sobremesas para o casamento.

Alfredo entra, irritado com os empregados que não lhe obedecem. Maria chega, entretanto, vai ter com a irmã e entrega-lhe um gancho com um pássaro de asas abertas e diz-lhe: «É para nunca te esqueceres de voar!». Abraçam-se, em lágrimas.

Carlos leva Vitória ao altar

Na capela da herdade, todos aguardam ansiosamente a chegada da noiva. Lucas teme que ela tenha desistido, mas, pouco depois, Vitória entra de braço dado com Carlos. O capataz entrega-a ao irmão e pede: «Que lhe dês tudo o que ela merece e que eu não soube dar».

Os noivos sorriem, cúmplices, e o engenheiro elogia a amada: «Estás linda!». O Monsenhor dá inicio à cerimónia e, no final, ocasal troca alianças. «Vitória e Lucas, declaro-vos marido e mulher», diz o padre.  Os convidados aplaudem e Alfredo grita: «Viva aos noivos!»

Lucas sai com a mulher ao colo e todos atiram arroz e pétalas. Feliz, o engenheiro abraça Vitória, Ana e a sobrinha. «As minhas princesas!» diz, enquanto a enfermeira reforça: «Finalmente juntos. Para sempre. Agora é para aproveitar o dia! Quero dançar, comer, rir… e ficar com este momento guardado no meu coração para sempre.»

Os convidados felicitam os noivos e Alfredo distribui CD com músicas suas pelos presentes. Pouco depois, Maria sobe para o palco improvisado, eufórica, por ir cantar no casamento e pergunta: «Como é que é, Lagoa? Preparados para Maria de Portugal? Não imaginam a felicidade que é estar aqui a atuar para a minha irmã. A Vitória é lindaaaaa!!! É ou não é?! E Lucas, se não te portares bem com ela, olha que eu sei onde é que está a chave do armeiro cá de casa.»

No final da festa, a enfermeira atira o bouquet e quem o apanha é Camila, a nova namorada de Carlos. Já a sós, no jardim, os noivos abraçam-se e, nostálgica, a Vitória olha para a medalha que era do pai. «Onde quer que ele esteja, está feliz por ti. Prometo que, aconteça o que acontecer, nunca me vou esquecer do teu sorriso neste dia. De como me senti, como um miúdo a ver-te chegar ao altar, de como a Ana estava tão emocionada…», garante o engenheiro.

Ela sorri e afirma: «E eu posso dizer, finalmente, que sou feliz. Agora é para sempre». O engenhero beija-a e responde: «Para sempre».

A novela avança uns meses e vê-se Vitória grávida de seis meses, feliz ao lado do marido, Ana e Maria Teresa, a filha de Marcos e Rita, que entretanto adotaram. Tiram uma fotografia, são uma família feliz. Ao longe, surge uma imagem do falecido pai da enfermeira, a sorrir, com um falcão pousado na luva. Enquanto se ouve um grito do falcão no ar, em voo veloz.

Joana fica grávida

Joana e Alfredo casam na herdade, na presença de familiares e amigos, com uma grande festa que, no passado, não tiveram a oportunidade de fazer. E, para a felicidade ser maior, acontece o inesperado. Joana aproxima-se do marido e revela: «Estou grávida Alfredo Paulo. É o que dá as brincadeiras… Achei que estava com a menopausa e, afinal, estou de bebé. Já viste o que nos foi calhar com esta idade? Estás feliz?»

Ele fica radiante e afirma: «Então não estou? E olha, achas que se for rapaz, lhe podemos chamar Rufino?» A mulher ri-se e garante: «Alfredo, não vamos dar nome de gato ao gaiato, tu não me torres a paciência!»

Os dois beijam-se apaixonados. Meses mais tarde, o casal, já com a filha bebé ao colo, vai ao programa de Fátima Lopes falar sobre ser pais numa idade tardia.

Outros finais

A TV 7 Dias revela-lhe também o desfecho das outras personagens da novela Quer o Destino. João vence o vício da droga e começa a dar palestras na herdade com o tema ‘Equoterapia da Lagoa’. Madalena é sua namorada e sente-se orgulhosa;

Hugo vai viver com Sandra e criam os sobrinhos, Diogo e Pilar, como filhos. Patrícia encontra o amor ao lado de Sílvio, o inspetor da ASAE e stripper. Carlos apaixona-se por Camila e vão viver juntos.

Maria volta a cantar e vai viver com o Inspetor Machado. Com o apoio de toda a família, Ana ultrapassa o drama da anorexia e começa a namorar com Daniel.

 

Leia mais:
Sara Barradas revela pormenor ‘escondido’ de Mafalda Marafusta em foto de Quer o Destino
Drama em Quer o Destino: Mateus ataca Isabela e tenta matar-se a seguir
Filho de Pedro Teixeira na novela Quer o Destino infetado com Covid-19 | Vídeo do teste
Texto: Neuza Silva (neuza.silva@impala.pt); Fotos: Divulgação TVI

PUB
Top