Tony Carreira PREOCUPA Goucha : «tenho que tomar um Xanax»

Manuel Luís Goucha demonstra-se muito preocupado com Tony Carreira. O cantor que já conta com 30 anos de carreira e 26 discos lançados, necessita de «tempo».

02 Nov 2018 | 16:20
-A +A

Manuel Luís Goucha está muito preocupado com Tony Carreira. Depois de ter anunciado, em março, que iria fazer uma pausa na carreira, o artista revela que precisa de «tempo para fazer um balanço».

«Estou muito preocupado contigo. Estás sempre a dizer vou parar, tenho que tomar um Xanax sempre que ouço esta notícia», começa por afirmar Goucha durante o Você na TV.

Leia mais: Tony Carreira EM LÁGRIMAS com declaração inesperada: «começo a chorar com saudades dele»

«Também eu», começa por dizer o artista. «Não ando sempre a dizer isso, perguntam-me é frequentemente isso. Vou parar uns tempos para fazer um balanço porque em 30 anos de carreira ainda não parei. Apetece-me ter tempo para ir de férias e passear», responde, assumindo que não quer entrar numa rotina.

No decorrer da entrevista, Tony Carreira confessa que ao longo da carreira teve algumas «curvas» mais difíceis, mas que tenta não pensar nesses momentos.

Em 30 anos de carreira Tony já lançou 26 discos. Recentemente o cantor viu-se envolvido em algumas polémicas ao enfrente acusações de plágio.

Veja o vídeo aqui.

 

Tony Carreira acusado de plágio

Foi em setembro de 2017, que o artista foi acusado pelo Ministério Público (MP) de plagiar 11 músicas de autores estrangeiros, com a colaboração do compositor Ricardo Landum.

Veja também: Tony Carreira: DRAMA no casamento!

As músicas “Depois de ti mais nada”, “Sonhos de menino”, “Se acordo e tu não estás eu morro”, “Adeus até um dia”, “Esta falta de ti”, “Já que te vais”, “Leva-me ao céu”, “Nas horas da dor”, “O anjo que era eu”, “Por ti” e “Porque é que vens” são as 11 canções alegadamente plagiadas, segundo o despacho de acusação do MP, proferida este mês.

O artista acabou por não ir a julgamento no caso de plágio. O Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa validou o acordo aceite pelo Ministério Público e por Tony Carreira, suspendendo assim o processo em que o cantor é acusado de plágio.

Fotos: Arquivo Impala e Redes Sociais

PUB
Top